A escola de kickboxing Life Combat participou, no fim de semana, no Campeonato Nacional, em Mirandela. Três atletas trofenses sagraram-se campeões nacionais, um foi vice-campeão e outro subiu ao 3º lugar do pódio.

A Escola de Kickboxing Life Combat teve um fim de semana vitorioso. Catorze atletas, cinco deles trofenses, participaram no Campeonato Nacional de Kickboxing, em Mirandela, e ficaram apurados em diferentes variantes e escalões da modalidade. Esta prova contou com a participação de atletas de todo o País, perfazendo um total de mais de 700 atletas e mais de cem clubes. João Paulo, de 11 anos, e Tiago André, de dez, representaram a Life Combat nas variantes Light Contact, escalão Iniciados, – 50 kg e Semi Contact, escalão cadetes, + 40 kg, respetivamente. Ambos subiram ao 1º lugar do pódio, estabelecendo-se como atuais campeões nacionais. Já na variante de Semi-Contact, o atleta da Trofa, Pedro Bacelo (- 69 kg), obteve o 3º lugar e o seu colega Tiago Canito (- 84 kg) sagrou-se vicecampeão nacional após um excelente combate na final.

Nas disciplinas de KO, Diogo Freitas, sob alcunha de Hulk, de S. Martinho de Bougado, sagrouse o novo campeão nacional na categoria de + 91 kg. O atleta espera agora “ser chamado para representar a seleção nacional nas provas internacionais”, continuando a treinar “arduamente para evoluir sempre mais na modalidade”. Em conclusão à excelente prestação nesta prova, com três campeões trofenses, o treinador Luís Ferreira salientou que os atletas estiveram “fantásticos” e que, naturalmente, “a porta da seleção nacional está outra vez aberta aos trofenses”.

No ano passado, o atleta Diogo Freitas foi convocado para o mundial na Macedónia, mas por falta de verbas não foi possível representar a seleção. “Este ano tudo poderá ser diferente para eles. Sendo campeões nacionais, a escola tentará angariar apoios para representar o concelho nas competições internacionais”, garantiu o treinador.

Stefanie Correia

{fcomment}