Trofa, Vila Nova de Famalicão, Santo Tirso, Guimarães, Paços de Ferreira, Lousada, Ermesinde e Fafe. Estes foram alguns dos locais onde um sismo, de magnitude 3,0 na escala de Richter foi sentido, na madrugada de sábado, 2 de maio.

O abalo deixou muitos pessoas intrigadas que, nas redes sociais, contaram a sua experiência. Manuel Barros, da Trofa, relatou que sentiu a terra tremer e “quase” viu “o candeeiro cair”. Outras pessoas confundiram o sismo com “trovoada”, mas estranharam a duração do barulho.

O sismo teve epicentro em Braga, a uma profundidade de 28 quilómetros e segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera teve uma intensidade máxima de 4, na escala de Mercalli, não causando estragos materiais.

O Notícias da Trofa e a TrofaTv foram dos primeiros órgãos de comunicação social a dar conta do sismo, através das páginas de Facebook.