Grupo de jovens mamedenses promoveram passeio de bicicleta para ajudar nas obras do Centro Social e Paroquial de S. Mamede do Coronado.

O valor da inscrição nem era muito significativo: um euro. Mas, mais do que angariar verbas, o objetivo principal passava, sobretudo, pela promoção do Centro Social e Paroquial de S. Mamede do Coronado. Na manhã de domingo, 29 de maio, mais de cem pessoas juntaram-se no centro da freguesia para participar na iniciativa Pedal Social, promovida por um grupo de jovens mamedenses, que se uniram em torno desta causa. Aliás, o fim do passeio foi, “precisamente à porta do lar”, evidenciou Célia Moreira, um dos elementos deste grupo. “Queremos ajudar, contribuir e trabalhar em prol da comunidade”, explicou a jovem, justificando, assim, o envolvimento do grupo neste projeto.

O grupo apostou nas redes socais para promover a iniciativa, por isso, declarou Célia Moreira, “estavam satisfeitos com a adesão das pessoas, não só dos mamedenses, mas daqueles que vieram de outras freguesias”.

Alfredo Maia é um dos elementos da direção do Centro Social e Paroquial de S. Mamede do Coronado e no domingo de manhã também marcou presença na iniciativa. O responsável valorizou “o trabalho deste grupo de jovens”, que considera “muito dinâmico”. Alfredo Maia avançou ainda que as obras devem ficar concluídas “dentro de mais ou menos dois meses”. No entanto, as valências do centro de dia, lar de idosos e apoio domiciliário só devem entrar em funcionamento “no final do ano”, devido aos “licenciamentos necessários”.

O grupo tem já agendado para o dia 2 de julho uma nova atividade: um mega churrasco, onde vão abrir as portas do Centro Social e Paroquial de S. Mamede do Coronado a toda a população.

{fcomment}