A Santa Casa da Misericórdia da Trofa vai lançar em Janeiro de 2008 um serviço inovador de "Cuidados Integrados de apoio domiciliário". Esta valência prestará serviços de saúde ao domicílio, serviços de estética e imagem, serviços de cedência de ajudas técnicas e acompanhamento personalizado.

  Qualidade de vida e apoio na saúde, são os propósitos da Santa Casa da Misericórdia que abre as portas à esperança e presta cada vez melhores serviços à comunidade.

O serviço "Cuidados Integrados de apoio domiciliário", pretende ser uma ajuda para todos aqueles que necessitam de mais e melhor. Com o apoio domiciliário normal, "já prestamos cuidados a cerca de 150 utentes no concelho da Trofa e pensamos então lançar um serviço que é complemento do já existente", explicou Amadeu Pinheiro, provedor da Santa Casa da Misericórdia da Trofa.

Este serviço terá quatro valências: o serviço de saúde ao domicílio, o serviço de estética e imagem, o serviço de cedência de ajudas técnicas e o acompanhamento personalizado. O serviço de saúde ao domicílio, destina-se a utentes que não se podem deslocar para fazer análises, assim "os nossos enfermeiros vão a casa, recolhem as amostras, fazemos assistência na enfermagem, controlo de glicemias, controlo de tensão arterial, fisioterapia em casa, entre outros serviços, como o apoio psicológico", asseverou o provedor.

Quanto ao serviço de estética e imagem, cortam o cabelo, e prestam serviços de pedicure, manicure e podologia. O serviço de cedência de ajudas técnicas, destina-se a facilitar as cadeiras de rodas, camas articuladas, canadianas, material de incontinência, entre outros. "Depois temos o serviço de acompanhamento personalizado, porque há pessoas que não querem vir para um lar e têm condições para estar em casa, logo precisam de uma pessoa que lhes faça companhia", exemplificou Amadeu Pinheiro. Nestes casos, existem técnicos especializados para fazerem o acompanhamento dos mais idosos, durante o número de horas e dias que a pessoa precisar, 24 horas, parcial diurno ou nocturno ou esporádico.

Esta valência pretende "ir ao encontro das necessidades de muitas pessoas", e todos os interessados deverão dirigir-se à Santa Casa da Misericórdia da Trofa.

 

 

Misericórdia presta cuidados a 150 utentes

 

A funcionar desde 8 de Setembro 1999 a Santa Casa da Misericórdia da Trofa já duplicou o número de utentes. Esta instituição da qual fazem parte o Lar da "Imaculada Conceição" e o Lar "Alfredo Carriço", alberga já 107 utentes.

Para além dos utentes residentes no lar, esta instituição presta cuidados ao domicílio a cerca de 150 pessoas idosas ou dependentes, apoia por RSI cerca de 146 famílias, congrega cerca de 20 adolescentes à volta de um projecto de prevenção primária das toxicodependências e dá apoio alimentar aos mais carenciados, distribuindo géneros alimentares por cerca de 33 famílias do concelho.

Para prestar apoio a todos estes utentes a Misericórdia conta com 95 funcionários e 20 voluntários que diariamente acarinham os utentes e que fazem desta, uma causa possível e de sucesso.