Depois de meses em obras, o Parque de Jogos da Ribeira surgiu, finalmente, com um novo aspecto. Para além da colocação do relvado sintético o espaço que delimita o campo foi também requalificado com um novo piso. Para a apresentação do renovado parque, a direcção do Bougadense programou um fim-de-semana com muitas actividades.

bougadense-inauguracao.jpgA cerimónia de inauguração não podia defraudar o resultado das obras de requalificação a que o Parque de Jogos da Ribeira foi sujeito, pelo que a direcção do Bougadense realizou um fim-de-semana recheado de actividades para todos os escalões de futebol e restantes modalidades do clube.

O pontapé de saída do programa das comemorações foi a apresentação de todas as modalidades do Bougadense, que contou com os atletas dos escalões de futebol, nomeadamente, escolas, infantis, iniciados, juvenis, juniores e seniores, e ainda das restantes modalidades inseridas pela direcção liderada por José Olgário, como aeróbica, pesca e karaté.

Posteriormente seguiu-se a benção do campo pelo pároco de Santiago de Bougado, Armindo Gomes e o descerramento da lápide alusiva à inauguração do relvado sintético.

Em discurso, o presidente do emblema bougadense José Olgário sublinhou a "grande ajuda" da Câmara Municipal da Trofa e Junta de Freguesia de Santiago de Bougado para a concretização das obras de beneficiação do campo, assim como dos restantes bougadenses que "com muita força contribuíram para a realização de um sonho".

bougadense-aerobica.jpgJá António Azevedo, presidente da Junta de Freguesia de Santiago de Bougado destacou o trabalho de José Olgário, no sentido de conseguir apoio, junto das entidades camarárias: "lembro-me da sua incansável persistência, perante mim, para a organização deste parque de jogos, das inúmeras reuniões de trabalho e os pedidos para que juntos pedíssemos a colaboração da Câmara Municipal e

lembro-me também que muitas vezes que por aqui passei este homem esteve sempre presente". O responsável frisou ainda o investimento feito pela autarquia para a realização das obras e felicitou "todos aqueles que, de alguma maneira, contribuíram para que este relvado sintético fosse uma realidade".

Por seu lado, o edil trofense, Bernardino Vasconcelos, aproveitou esta inauguração para sublinhar, mais uma vez, o propósito da Câmara Municipal em construir, na área envolvente ao campo de jogos, o futuro Pavilhão Municipa. "Este local é o baluarte de Santiago de Bougado e será requalificado mais vezes", pois segundo o presidente, esta obra "está feita, mas não acabada. A nossa ambição não nos deixa ficar por aqui", concluiu.

Depois do almoço seguiu-se o jogo da primeira jornada da Divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto, que foi antecedido pela actuação das alunas de aeróbica, que apresentaram algumas coreografias aos adeptos que enchiam a bancada do campo.

À noite todos os presentes foram brindados com a actuação do Rancho Danças e Cantares de Santiago de Bougado, do Conjunto Típico "Sons e Cantares do Ave" e da banda rock Innerless.

No domingo, para além dos jogos das camadas jovens do emblema bougadense, houve também um jogo especial que opôs as velhas glórias do AC Bougadense e CD Trofense.

As comemorações terminaram com uma actuação dos grupo Juventude em Força e com o Fogo de Artifício de Jardim.

 

Bougadenses aprovam novo Parque de Jogos da Ribeira

Centenas de pessoas estiveram presentes nas diferentes actividades organizadas pela direcção bougadense, o que comprova que as obras poderão mesmo atrair mais pessoas ao campo todos os fim-de-semana.

Não foi só o jogo da equipa sénior que contou com a bancada repleta de adeptos, mas a todos os jogos das camadas jovens assistiram centenas de pessoas.

O NT esteve à conversa com alguns pais e adeptos do Bougadense e a opinião geral é a de que o relvado sintético traz vantagens, em muitos aspectos.

Para Henrique Machado, pai de um atleta das camadas jovens do emblema de Santiago de Bougado, o relvado sintético atraiu muitos jovens para o clube: "é um grande incentivo vir jogar para relva sintética, o que explica a vinda de tantos atletas para o Bougadense esta temporada".

Para além de incentivar os jovens, também atrai os pais para assistirem aos jogos. "Eu sempre marquei presença nos jogos do meu filho, mas sei que outros pais que não o faziam no passado, passarão a vir por causa desta renovação", referiu.

Cândida Sá, uma das mães que "por falta de tempo" não consegue assistir a todos os jogos dos seus filhos, confessou que agora fará "todos os possíveis para marcar presença" e destacou a colocação do novo piso sintético como sendo uma medida "excelente" tomada pela direcção liderada por José Olgário: "é óptimo o facto dos jovens já não terem que jogar na lama, no inverno, e no pó, durante o verão".

 

Vice-presidente da AF Porto encantado

"Fabuloso". Este foi o adjectivo utilizado por António Pereira, vice-presidente da Associação de Futebol do Porto (AFP), para qualificar o resultado das obras de requalificação do Parque de Jogos da Ribeira, que culminaram com a inauguração do relvado sintético, no passado sábado.

Em entrevista ao NT, António Pereira estava muito satisfeito com a realidade das novas infra-estruturas do emblema de Santiago de Bougado. "Esta obra está fabulosa, porque vai permitir aos jovens, que são muitos, apurar a sua condição física, praticando regularmente a sua actividade desportiva e também apurando a sua própria técnica, para poder acalentar o sonho que todos os miúdos têm, que é serem jogadores profissionais".

Destacando o "bom trabalho" em conjunto da direcção do clube, da Câmara Municipal da Trofa e da Junta de Freguesia de Santiago de Bougado, o vice-presidente reforçou a satisfação da AFP por ver mais um campo ser requalificado com relvado sintético. "Há já muitos anos a associação batalha no sentido de exigir que os clubes, especialmente da Divisão de Honra, tenham os seus campos melhorados para que possam receber condignamente os adeptos e isso foi conseguido na maioria deles", afirmou.