empreendedor

“Ser um empreendedor é muito mais do que ter vontade de chegar ao topo de uma montanha. É conhecer a montanha e o tamanho do desafio, planear cada detalhe da subida, saber o que precisa de levar e que ferramentas utilizar, encontrar a melhor trilha, estar comprometido com o resultado, ser persistente, calcular os riscos, preparar-se fisicamente, acreditar na sua própria capacidade e começar a escalada”.

São estes os passos a seguir pelo empreendedor que quer fazer nascer o seu próprio negócio, uma vontade e uma alternativas cada vez mais consideradas na actual conjuntura de crise. E ao empreendedor de sucesso estão inerentes algumas características específicas, sendo as mais importantes a determinação, a força de vontade e capacidade de enfrentar obstáculos.

Como empreendedor é fulcral ter disposição para correr riscos e, acima de tudo, saber enfrentá-los conscientemente, porque disso depende o sucesso. Os riscos fazem parte de qualquer actividade e só é preciso aprender a administrá-los. Se alguma coisa não correr da melhor forma e estiver em situação de crise, não devemos tomar o fracasso como uma derrota mas como uma aprendizagem.

Um empresário de sucesso deve ter iniciativa, ser criativo, curioso, optimista e ambicioso, porque a estabilidade de um empreendedor pode ser um caminho longo e difícil.

É fulcral conhecer o ramo em que se pretende entrar e manter-se actualizado, para perceber melhor as hipóteses de sucesso e prevenir-se em relação aos percalços que possam surgir. A organização é fundamental para o sucesso de qualquer negócio, que passa por possuir os melhores recursos, como a aplicação de recursos humanos, materiais e financeiros e integrá-los de uma forma lógica, racional e harmoniosa. Para um empreendedor é necessário ter boas capacidades de liderança. Saber organizar, redireccionar esforços e manter a motivação dos seus colaboradores.

Dê um pouco de liberdade para conseguir extrair o que há de melhor neles e estabeleça uma relação interpessoal expondo e ouvindo as suas ideias.