Um sismo de magnitude 3.2 na escala de Richter, com epicentro a cerca de seis quilómetros a oeste de Paredes, foi sentido, às 17.22 horas, na zona Norte de Portugal e no concelho da Trofa.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) comunicou que o sismo ocorreu pelas 17.22 horas e foi registado nas estações da rede sísmica do Continente.

O sismo de fraca intensidade, foi sentido na Trofa e um pouco por todo o concelho há relatos do fenómeno. Em S. Martinho de Bougado, Maria Moreira estava na sua loja quando sentiu “o chão e os vidros a vibrar, acompanhados por um ruído estranho que durou alguns segundos”.

Também Assunção Machado, de Paradela, confidenciou ao NT que estava em casa quando sentiu “a casa a tremor” e ouviu um ruído que lhe parecia de “uma explosão”. “Dei um grito. Os clientes de um café aqui junto à minha casa fugiram para a rua amedrontados pelo fenómeno”, contou.

Também na redação do jornal se sentiu o sismo e muitos foram os que telefonaram a dar conta do sucedido. Situação idêntica foi confirmada pelos Bombeiros Voluntários da Trofa, onde chegaram cerca de 30 telefonemas a dar conta do abalo. Porém, não se registaram danos.

Segundo o Centre Sismologique Euro-Méditerranéen o abalo teve lugar a três quilómetros de Rebordosa, concelho de Paredes, e a uma profundidade de 15 quilómetros. Testemunhos deixados no sítio do centro europeu falam num barulho parecido a “um camião a descarregar grandes pedras no solo, muito próximo”.

Segundo o sismologista Fernando Carrilho, em declarações à RTP, este sismo “não é um acontecimento inesperado”, uma vez que ocorreu numa zona onde há falha. De qualquer forma, aquela zona do país “não é a de maior risco”.

É de esperar pequenas réplicas nas próximas 24 horas. “Regra geral, são de intensidade mais baixa”. A atividade sísmica em Portugal é monitorizada 24 horas por dia pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

Já pelas 16.30 horas (hora local) foi registado nas estações da Rede Sísmica do Arquipélago dos Açores, um sismo de magnitude 2.7 (Richter) e cujo epicentro se localizou a cerca de 10 km a Este-Nordeste de Praia (Graciosa).

Segundo o IPMA, o epicentro localizou-se a cerca de dez quilómetros a Este-Nordeste de Praia, na ilha Graciosa.