“Preocupado” com o futuro do Hospital de Santo Tirso e com os postos de trabalho, o executivo da Câmara Municipal tirsense reuniu-se, na segunda-feira, 22 de dezembro, com o Conselho de Administração do Hospital.

O executivo municipal de Santo Tirso aprovou esta terça-feira, em reunião de Câmara, uma moção contra a passagem do Hospital de Santo Tirso para a Misericórdia. A moção vai ser enviada à Presidência da República, à Presidência da Assembleia da República, aos grupos parlamentares da Assembleia da República, à Associação Nacional de Municípios, à Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte e à Assembleia Municipal de Santo Tirso.

Leia a reportagem completa na edição 503 do NT, já nas bancas.