Grupo de assaltantes destruiu montra da pastelaria Charly, levando dinheiro e maços de tabaco.

Na manhã de terça-feira, na pastelaria Charly, em S. Martinho de Bougado, as conversas dos clientes passavam, invariavelmente, pelo assalto ao estabelecimento, naquela madrugada. Maria Serra Neves vive próximo do local e, depois de ouvir barulho, foi uma das pessoas a ligar para a GNR a alertar para o assalto. “Ouvi paralelos a baterem contra o vidro, mas não os vi a arrombar porque tive medo de espreitar”, confessou, já refeita do susto, enquanto tomava o pequeno almoço na pastelaria. Maria Serra Neves garantiu ainda que os alegados assaltantes “fugiram em direcção à rua do liceu (Rua Augusto Pires de Lima) num Opel Corsa vermelho”.

Manuel Couto é o proprietário do estabelecimento e “infelizmente” já viu a pastelaria ser assaltada “umas cinco vezes”. O prejuízo ainda não foi apurado, mas para além de partirem os vidros, os ladrões levaram “o tabaco e o moedeiro” da respectiva máquina de venda.automática. “Coincidência ou não, tinha enchido a máquina na tarde anterior”, afirmou Manuel Couto.

A GNR da Trofa está a investigar o caso e no local esteve o NAT (Núcleo de Apoio Técnico), que realizou o exame de peritagem.