Continuam elevados os apoios sociais da delegação da Trofa da Cruz Vermelha Portuguesa. Depois de se confrontar com um crescimento abrupto do número de pedidos de ajuda, a instituição tem tentado responder às solicitações, em diversas áreas, como no apoio alimentar de emergência, doação de medicamentos e outras ajudas técnicas ou através da entrega de refeições.

No que respeita à cantina social, o número de refeições tem vindo a aumentar desde abril, mês em que se entregaram 271, menos 136 do que aquelas que foram doadas no mês de julho, beneficiando 18 pessoas.
Depois de uma subida vertiginosa de alimentos doados através do apoio de emergência – em abril foram entregues 2577 bens – esta resposta social verificou uma quebra nos dois meses seguintes, tendo vindo a aumentar, novamente, em junho, com 1265 alimentos entregues, para um universo de 35 beneficiários.

O frigorífico solidário, presente nas freguesias do Muro e S. Romão do Coronado, foram abastecidos com 2015 alimentos, durante o mês passado, registando uma ligeira subida relativamente a maio.