O Trofense impôs hoje a primeira derrota caseira (4-2) do Moreirense, em encontro da 17.ª jornada da Liga de Honra em futebol, ascendendo provisoriamente ao primeiro lugar da prova.

Num embate entre duas equipas com bons argumentos – o Moreirense estava invicto em casa e o Trofense é forte fora -, a formação da Trofa revelou-se mais forte, tendo chegado ao intervalo a vencer já por 2-1.

O Trofense entrou melhor na partida e começou cedo a desenhar a vitória com um golo de Licá, na sequência de um canto, aos 11 minutos.

Mas a festa dos forasteiros durou apenas dois minutos, já que o árbitro Jorge Sousa considerou que João Dias fez falta sobre Luís Pinto na grande área do Trofense e assinalou uma grande penalidade, convertida por Anilton.

O jogo entrou numa toada mais equilibrada,mas foi novamente o Trofense a marcar, aos 35 minutos, num lance em que Tiago se aproveitou de alguma passividade da defensiva contrária.

Na segunda parte, assistiu-se a uma partida inclinada para o lado do grupo de Jorge Casquilha, que procurava, a todo o custo, o empate, realçando-se dois lances, protagonizados por Luís Pinto (55) e Castro (65) foram os mais irrequietos, mas o Trofense podia ter arrumado logo a questão por Bahin (83) e João Dias (84), que, isolados, falharam.

Quem se aproveitou foi o Moreirense, que, aos 88, voltou a empatar, através Robson, mas o Trofense não tardou a responder e, dois minutos depois, Nildo recolocou a sua equipa em vantagem, para Zé Manel, no quinto minuto de descontos, garantir a vitória.

Jogo disputado no Parque Desportivo Comendador Joaquim Almeida Freitas, em Moreira de Cónegos.

Moreirense FC – CD Trofense, 2-4.

Ao intervalo: 1-2.

Marcadores:

0-1, Licá, 11 minutos.

1-1, Anilton, 13 (grande penalidade).

1-2, Tiago, 35.

2-2, Robson, 88.

2-3, Nildo, 90.

2-4, Zé Manel, 90+5.

Equipas:

– Moreirense: Roberto Tigrão, Zé Alberto (Robson, 63), Anilton, Pica, João Vicente, Pintassilgo (Lico, 73), Castro, Bobô (Antchouet, 68), Renato Santos, Luís Pinto e Bruno Moreira.

(Suplentes: Ricardo Ribeiro, Pinto, Lico, Robson, Antchouet, Luís Tinoco e Tiago Ronaldo).

– Trofense: Marco, João Dias, Varela, Pedro Ribeiro, Igor, Filipe Gonçalves, Tiago, Licá (Gégé, 53), Nildo (Ricardo Nunes, 90+5), Zé Manel e Reguila (Bahin, 81).

(Suplentes: Alex Alves, Moreilândia, Gégé, Nikiema, Outtara, Bahin e Ricardo Nunes).

Árbitro: Jorge Sousa (Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para João Dias (12), Nildo (44), Zé Alberto (61) e Luís Pinto (90).

Assistência: Cerca de 1.000 espetadores.

PYT.

Lusa/Fim.