Na mesma noite, um grupo, que se fazia transportar num veículo de marca Rover, assaltou vários estabelecimentos comerciais em Santiago de Bougado e em Alvarelhos. Já em S. Romão do Coronado, um outro grupo arrombou a porta de um estabelecimento.

“O alarme acionou, os vizinhos acordaram, ligaram-nos e quando chegamos estava a casa arrombada e o café assaltado”. Tão rápido como a explicação da responsável do café Rei, em Alvarelhos, foi assim que ocorreu o assalto na madrugada de terça-feira, dia 15 de outubro, cerca das 4.20 horas.

Do estabelecimento, situado perto da Igreja Matriz da freguesia, os larápios levaram a máquina de tabaco e “arrancaram” um plasma, depois de terem arrombado a porta principal. Segundo a responsável, os vizinhos não terão visto nada e apenas se aperceberam de que algo que se passava quando o alarme acionou. O furto foi tão rápido que, quando se puseram a pé para espreitar à janela, já os indivíduos se tinham posto em fuga, num veículo de marca Rover.

Mas antes, suspeita-se que os mesmos amigos do alheio tenham tentado assaltar outros estabelecimentos comerciais. Tudo terá começado cerca das 4 horas, quando a mesma viatura bateu de marcha atrás na porta exterior do Pingo Doce, junto à Rotunda do Professor em Santiago de Bougado, derrubando-a e destruindo ainda a porta interior e a grade de segurança.

Leia a reportagem completa na edição do jornal O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.