A Câmara Municipal da Trofa nomeou Vítor Pinto como Comandante Operacional Municipal (COM) da Protecção Civil Municipal.

Desde 24 de junho que Vítor Pinto ocupa um cargo que estava vago desde que saiu a lei 65/2007, a 12 de novembro, que determina que, no prazo de 180 dias, os municípios teriam de proceder à adaptação dos serviços municipais de proteção civil.

Com experiência na área, pelos 11 anos de serviço como agente e, posteriormente, comandante da Polícia Municipal e ainda voluntário nos Bombeiros Voluntário da Trofa, desde 2008, onde detém a categoria de Oficial de Bombeiro, Vítor Pinto foi nomeado em regime de comissão de serviço por três anos.

O COM tem como funções coordenar a ligação entre o presidente da câmara – órgão máximo da Protecção Civil Municipal-, o Comando Distrital de Operações de Socorros do Porto (CDOS) e todos os agentes de Protecção Civil do município, como os Bombeiros, GNR, Cruz Vermelha, juntas de freguesia, associações, escuteiros, entre outros.

O COM tem importância acrescida nos casos de ocorrência de situação de proteção civil que exijam a sua intervenção, como incêndios florestais, tempestades e cheias. Cabe também ao COM dar parecer sobre o material mais adequado à intervenção no município, bem como terá como incumbência de comparecer nos locais de sinistros, sempre que as circunstâncias assim o aconselham. Vítor Pinto também terá de atuar nas situações previstas no plano de emergência municipal, bem como quando a dimensão do sinistro requeira o emprego de meios de mais de um corpo de bombeiros.