Inês Santos e Hugo Costa da Escola Básica 2/3 Professor Napoleão Sousa Marques, em S. Martinho de Bougado, venceram o 2º Prémio ex-aequo do concurso “Uma Aventura…Literária 2013”.

“Era uma vez um jovem aluno que era desprezado pelos seus colegas da escola, devido às suas poucas condições financeiras. Uma situação que se alterou, quando o aluno participou num concurso de literatura na escola, com um texto bonito, e arrecadou o 1º lugar. Os seus colegas viram que ele era inteligente e empenhado e, a partir daí, começaram a tratá-lo como um colega normal”.

Este é o resumo do texto original de Inês Santos e Hugo Costa, da turma 6º C, que venceu o 2º prémio ex-aequo, no concurso “Uma Aventura…Literária 2013”.

Foi através do incentivo da professora de português, Elisabete Silva, que os alunos decidiram participar com um texto, que tinham realizado durante as férias de Natal para um trabalho da disciplina. “Ela gostou e achou que tinha os parâmetros necessários para poder participar e perguntou se gostaríamos de participar e nós aceitamos”, começou por contar Inês Santos, residente em S. Martinho de Bougado.

Os alunos decidiram enviar o texto, participando na modalidade de texto original, em trabalhos coletivos referentes ao 2º ciclo. Só nesta vertente participaram mais de cem mil trabalhos. Por ser um concurso a nível nacional, os jovens não contavam ganhar, tendo apenas participado por carolice.

Segundo Inês Santos, o texto trata-se de “uma narrativa de encaixe”, pois além da “história do menino”, conta a história que ele escreveu para participar num concurso. Enquanto o texto para o concurso foi inspirado “num livro de uma coleção de contos”, a história do menino é “inspirada na realidade”. “De certeza que, em muitas escolas, muitas vezes os meninos e meninas são desprezados por não terem dinheiro”, denotou, tendo Hugo Costa acrescentado que com esta história pretendem alertar a comunidade educativa para que se trate todos por igual.

Por terem arrecadado o 2º prémio, os alunos vão receber um cheque-livro, que vai ser entregue numa cerimónia da Feira do Livro, a realizar-se pelas 15 horas do dia 28 de maio, no Pavilhão da Editorial Caminho, em Lisboa, onde vão estar presentes as autoras da coleção “Uma Aventura”, Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada. No comunicado enviado à escola a informar da atribuição do prémio, foi ainda pedida a identificação completa dos alunos, uma vez que o texto vai ser publicado nas últimas páginas de uma edição da coleção “Uma Aventura”.

Amante da leitura, Inês consegue “ler um livro em dois dias” e “uns dez” num mês. Já leu alguns livros da série infantil Geronimo Stilton, do “Diário de uma Totó” e da coleção “As Gémeas”. A aluna gosta de escrever e de “dar largas à imaginação”. Uma das partes que mais gosta de fazer quando começa a trabalhar num texto é de “amolgar a folha de papel em forma de bola e atirar para trás”.

Já Hugo gosta de ler “um bocadinho” antes de dormir. O último livro que leu foi da coleção “As Cinco Quinas”, que lhe foi oferecido pelo seu aniversário e “devorado” em “quatro noites”. O aluno também gosta de escrever e tem à-vontade para escrever sobre “qualquer tema”. “Devo fazer mais rápido que a Inês, mas também demoro sempre um bocadinho”, concluiu.

Segundo Olívia Domingues, professora bibliotecária na EB 2/3, houve “mais cinco participações coletivas, com textos originais” de alunos deste estabelecimento. Na biblioteca da escola são sempre divulgados estes tipos de concursos, porque são “interessantes para a promoção da leitura e para melhorar as capacidades de escrita dos alunos”.

Para Marialva Ferreira, coordenadora da EB 2/3, estes concursos são “pretexto para escrever, logo para melhorar os resultados dos alunos e incentivar à melhoria da escrita, que é tão importante hoje em dia”. “Estes concursos são importantes e ganhar um prémio é um gosto e acrescenta motivação. Assim os alunos vão pensar que é possível e todos vão querer participar mais, por acharem que é possível ganhar”, afirmou a coordenadora, felicitando os alunos pelo prémio obtido.

O concurso “Uma Aventura… Literária 2013” foi constituído por seis modalidades: Texto Original, Crítica, Desenho, Teatro, Olimpíadas da História e Blogue. Na modalidade de Texto Original, aberta a todos os anos de escolaridade, o tema era livre e devia ter a “extensão máxima de uma a duas páginas manuscritas ou dactilografadas”.