O emblema da Trofa começa a segunda volta com vinte pontos

O empate foi o resultado da partida que se esperava empolgante, não fossem as duas equipas em confronto, duas rivais de longa data e que já não se encontravam dentro de campo há catorze anos.

Nem mesmo o interregno que a equipa da Trofa teve no Natal, fez com que a sina dos empates terminasse. O resultado de 1-1 fixou-se pela terceira vez consecutiva esta temporada, na Póvoa do Varzim, assinalando o último jogo da primeira volta da Liga de Honra. Empates consecutivos já se registam quatro, num total de oito consentidos pelos atletas de Daniel Ramos.

Quanto à partida, o Trofense não podia ter começado melhor, já que aos sete minutos já vencia, com um golo de Reguila. O avançado trofense, que já conta com oito tentos no campeonato, fez uma dupla demolidora com Chico, conseguindo dar muitos problemas à defesa varzinista, que se mostrou pouco dinâmica. A formação forasteira até podia ter acabado a primeira parte à frente do marcador, mas o estreante Roberto entrou no plantel do Varzim com o pé direito e reestabeleceu a igualdade, à passagem do minuto trinta e sete.

Apesar das más condições do relvado, o encontro continuou com um ritmo alto na etapa complementar, com sucessivas paradas e respostas. Reguila, um dos melhores elementos dentro das quatro linhas, ainda teve nos pés uma grande oportunidade para desfazer o empate, mas o esférico embateu na barra da baliza de Ricardo.

O empate persistiu e até ao fim numa partida que se esperava empolgante, não fossem as duas equipas em confronto, duas rivais de longa data e que não se encontravam há catorze anos e que culminou num período conturbado no emblema da Trofa, que o levou à despromoção.

Daniel Ramos considerou que a performance apresentada pelo Trofense “merecia um pouco mais que o empate”. Na sua opinião os seus atletas foram “os melhores em campo” e que a partida foi recheada de “emoção e emotividade”.

“Um dos melhores jogos que vi este campeonato” afirmou Horácio Gonçalves, técnico varzinista, que ainda sublinhou a “dignidade das equipas”, que “lutaram até ao fim pela vitória”.

A liderança continua a ser ocupada pelo Leixões, que venceu no reduto do Desportivo de Chaves com um golo de Roberto, melhor marcador da Liga de Honra. O Guimarães, na estreia (infeliz) de Manuel Cajuda, consentiu a perda de pontos na derrota frente ao Olhanense por 1-0. No confronto com Penafiel e Estoril não houve golos, o Feirense venceu “extramuros” o Olivais e Moscavide por 1-3 e o Gondomar bateu o Portimonense por 2-0. O Vizela somou um ponto na recepção ao Rio Ave, numa igualdade a uma bola.

A primeira volta termina com o Trofense em décimo lugar com vinte pontos, conseguidos com oito empates, quatro vitórias e três derrotas. A melhor defesa do campeonato é dividida por Feirense e Penafiel, ambos com nove tentos sofridos, seguidos do Trofense, com doze. Já o melhor ataque pertence ao líder Leixões, que festejou por vinte e seis vezes. A equipa menos concretizadora é o último classificado, Desportivo de Chaves (oito golos), enquanto que o Portimonense detém a pior defesa, com vinte e três golos sofridos.

A Liga de Honra só volta no dia 28 de Janeiro, devido à quinta eliminatória da Taça de Portugal. Para não quebrar o ritmo, no próximo sábado o Trofense recebe o Ribeirão, para a segunda mão da Taça Amizade.

15ª Jornada – Liga de Honra

Jogo: Estádio do Varzim Sport Club

Varzim S.C.: Ricardo, Telmo, Tito, Emanuel, Bruno Miguel, Mendonça (Denilson 65′), Pedrinho, Nuno Ribeiro, Roberto, Marco Claúdio (Diego 81′) e Pedro Santos

Treinador: Horácio Gonçalves

C.D. Trofense: Marco, Maia, Idalécio, Miguel Ângelo, Chico Silva, Dedé, Edu, Kika (Nelsinho 55′), Traoré (Vitor Hugo 72′), Chico (Leandro 72′) e Reguila

Treinador: Daniel Ramos

Árbitro: Carlos Duarte, auxiliado por Bertino Miranda, João Macedo e José Moreira

Cartões Amarelos: Dedé (13′), Pedro Santos (45′), Edu (46′), Miguel Ângelo (49′), Chico (69′) Nuno Ribeiro (82′) e Roberto (87′)

Marcadores: Reguila (7′), Roberto (37′)

Resultado ao intervalo: 1-1

Resultado final: 1-1

 

Resultados 15ª Jornada

Gil Vicente 2 – 1 Santa Clara

Desp. Chaves 0 – 1 Leixões

O. Moscavide 1 – 3 Feirense

Penafiel 0 – 0 Estoril

Varzim 1 – 1 Trofense

Olhanense 1 – 0 V. Guimarães

Gondomar 2 – 0 Portimonense

Vizela 1 – 1 Rio Ave

Próxima Jornada (28-01-2007)

Olhanense – Gondomar

Vizela – V. Guimarães

Varzim – Rio Ave

Penafiel – Trofense

O. Moscavide – Estoril

Desp. Chaves – Feirense

Gil Vicente – Leixões

Santa Clara – Portimonense

Classificação

  1. Leixões – 31 pontos

  2. Feirense – 30 pontos

  3. Santa Clara – 25 pontos

  4. Penafiel – 23 pontos

  5. Gondomar – 22 pontos

  6. Rio Ave – 22 pontos

  7. Estoril – 22 pontos

  8. Olhanense – 21 pontos

  9. V. Guimarães – 21 pontos

  10. Trofense – 20 pontos

  11. O. Moscavide – 19 pontos

  12. Varzim – 18 pontos

  13. Gil Vicente – 17 pontos

  14. Portimonense – 13 pontos

  15. Vizela – 12 pontos

  16. Desp. Chaves – 7 pontos