Feirense retomou hoje a liderança da Liga de Honra, ao bater o Trofense por 3-0, em jogo da quarta jornada da competição, disputado no Estádio Marcolino de Castro, em Santa Maria da Feira.

A equipa “fogaceira” – que hoje estreou Maurício no eixo da defesa – somou o nono ponto, ultrapassando o Portimonense, que conta sete pontos, mas que joga este sábado, no Algarve, diante do Gil Vicente.

O primeiro lance de perigo resultou no golo inaugural, decorridos seis minutos, quando Adilson protagonizou uma excelente jogada pela esquerda, cruzou para o coração da grande área, onde Nuno Mendes, infeliz, desviou a bola para o fundo da própria baliza.

Volvidos três minutos, nova jogada pelo lado esquerdo, com Hélder Castro a encontrar Roberto, que, em zona privilegiada, rematou fora do alcance de Vítor, aumentando a vantagem da equipa visitada.

Apesar da diferença no marcador, o desafio manteve uma toada de equilíbrio, jogado sempre com grande dinâmica e empenho, tornando-se agradável de seguir.

Aos 11 e aos 20 minutos, Chad foi protagonista em dois lances gémeos, resultantes de cruzamentos da direita – no primeiro, obrigou Paulo Lopes a grande defesa, enquanto no segundo viu a bola devolvida pelo poste.

Até ao intervalo, houve mais duas oportunidades flagrantes de golo – de Roberto, pelo Feirense, e de Silas, pelo Trofense -, o que diz bem do equilíbrio e da forma aberta como a partida foi jogada.

A qualidade de jogo baixou muito no segundo tempo, apesar da reacção da equipa nortenha, materializada com dois remates de perigosos de Silas, aos nove e aos 18 minutos, em ambos os casos neutralizadas por grandes defesas de Paulo Lopes.

A equipa de Vítor Oliveira assumiu o jogo, esteve mais tempo no meio campo adversário, mas não revelou imaginação e, até, força para derrubar o muito forte sector defensivo do Feirense.

Já depois de Silas ter obrigado Paulo Lopes a nova grande defesa, os “azuis” ampliaram a vantagem, aos 84 minutos, numa jogada típica por estas bandas – lançamento de linha lateral convertido por Joel, pequeno desvio de cabeça de Luciano e estocada final de Renato Queirós para o golo.

O terceiro golo surgiu contra a corrente do jogo, já que o Trofense estava por cima, mas nada mais houve de interessante até final, com o Feirense a conseguir a segunda goleada em casa, depois do 4-0 imposto ao Varzim.

Jogo no Estádio Marcolino de Castro, em Santa Maria da Feira.

Feirense – Trofense, 3-0

Ao intervalo: 2-0.

Marcador:

1-0, Nuno Mendes, 6 minutos (pb)

2-0, Roberto, 21

3-0, Renato Queirós, 84.

Equipas:

– Feirense: Paulo Lopes, Joel Neves, Luciano, Hélder Castro (Leandro Perez, 65), Pinheiro, Galhano (Elvis, 79), Adilson, Marco Cadete, Tales, Roberto (Renato Queirós, 71) e Maurício.

(Suplentes: Marco Sousa, Igor Souza, Diogo Cunha, Elvis, Leandro Perez, Filipe Pastel e Renato Queirós).

– Trofense: Vítor, Paulinho (Maciel, 76), Nuno Mendes, Filipe Gonçalves, Igor, Williams, Silas, Chad (Reguila, 59), Pedro Ribeiro, Tiago e Mércio.

(Suplentes: Riça, Romeu Ribeiro, Hélder Sousa, Reguila, Thiago Bento, Maciel e Bruno Sousa).

Árbitro: Duarte Gomes (Lisboa).

Acção disciplinar: cartão amarelo a Pinheiro (12), Silas (24), Adilson (26), Joel Neves (27) e Filipe Gonçalves (85).

Assistência: cerca de 1.000 espectadores.