Um milhão e 735 mil euros é o valor que a Trofáguas, Empresa Municipal EM vai investir na construção da rede de saneamento nos lugares de Cidai, Bairros, Maganha e Lantemil, na Freguesia de Santiago de Bougado. A empreitada prevê ainda a instalação da rede de abastecimento de água que será levada a cabo pela Indaqua e que está orçada em cerca de 906 mil euros.

"Uma obra que não se vê, que não dá votos mas que é imprescindível". Foi desta forma que Bernardino Vasconcelos, presidente da autarquia trofense se referiu à empreitada de água e saneamento, lançada na quinta-feira passada pelo empresa Municipal Trofaguas e pela Indaqua.

O edil reiterou que "a política a ser seguida pelo executivo continua a apostar em dotar as oito freguesias de infraestruturas básica, deixando para depois obras como a construção dos Paços do Concelho, que apesar de necessária a sua edificação, pode esperar", frisou o edil.saneamento.jpg

António Pontes, presidente do conselho de administração da Trofáguas relembrou a conclusão da quinta fase de saneamento e a necessidade da celeridade na reposição do pavimento para causar o mínimo incómodo possível. Pontes relembrou o "esforço financeiro da autarquia para dotar toda a população das infraestruturas básicas de saneamento e abastecimento de água".

Dados da empresa municipal, disponibilizados por António Pontes, revelam que em Dezembro de 2007 "atingimos cinquenta por cento de taxas de ligação efectiva da população. Este numero é muito bom, quando comparados com os 12 por cento de taxa de ligação efectiva de há oito anos atrás".

A empreitada prevê a construção de 32 quilómetros, que vão servir cerca de três mil pessoas, deverá estar concluída no final de 2009 e vai possibilitar que o concelho da Trofa fique com cerca de 80 por cento da população servida.

Paralelamente à rede de saneamento as quatro aldeias vai ainda ser construída a rede de abastecimento de água, num investimento de cerca de 906mil euros e que segundo Paulo Nunes, responsável pela Indaqua, terá 18 quilómetros, 517 ramais de ligação e deverá estar concluída em finais de 2009, tal como a obra de saneamento", frisou.

O responsável adiantou ainda que "no concelho da Trofa já foram instalados 118 quilómetros de condutas, faltando ainda adjudicar 803 mil euros que corresponde a 12 por cento do total previsto, portanto estamos já na recta final". No que diz respeito à taxa de cobertura da rede de água esta atinge já os 86 por cento mas o nosso objectivo é chegar aos 95 por cento até ao final do plano de investimentos".

Mas se tudo corre bem na execução da obra, os números da ligações estão ainda abaixo do esperado já que segundo Paulo Nunes, apenas 44 por cento da população está ligada á rede de abastecimento de água. O responsável da Indáqua deixou ainda o alerta para um estudo realizado sobre os hábitos da população através do qual se concluiu que " uma grande parte da população consome água imprópria, de poços e furos", frisou.

Por seu lado António Azevedo presidente da Junta de Freguesia de Santiago de Bougado, relembrou a importância desta empreitada para a população da sua freguesia assegurando que "pode contar com a Junta de Freguesia para ajudar inclusive na pavimentação de ruas, através de parcerias se for necessário", concluiu.

 

Os números

1 Milhão e 735 mil de euros de investimento em saneamento

4 Aldeias servidas

3 Mil pessoas abrangidas

32 Quilómetros de rede

906 Mil euros de investimento em rede de água