gnr_2

Um tiroteio entre um alegado traficante de droga e uma força da GNR que o perseguia provocou esta terça-feira de manhã, em plena cidade de Famalicão, a morte a tiro do fugitivo, disse fonte policial.

Uma fonte do Destacamento Territorial de Barcelos da GNR adiantou à Agência Lusa que o homem foi atingido com um tiro, tendo sido levado, de imediato, para o Hospital Local, onde chegou já sem vida.

A fonte frisou que o homem conduzia um carro, acompanhado pela mulher, que foi detida.

Terá reagido a tiro à perseguição policial, o que obrigou a força militarizada a responder, atingindo-o mortalmente.

O casal, que reside na zona de Barcelos, havia escapado, ao começo da manhã, à força da GNR, que, munida de um mandado judicial de busca, se preparava para o deter, revistando a residência onde vivem.