Dois Renault Clio sofreram danos na sequência de uma tampa de saneamento ter levantado na Estrada Nacional 14.

João Costa nem queria acreditar, quando olhou para o carro depois de ter passado por cima de um buraco de saneamento. Perante os estragos visíveis no seu Renault Clio, o condutor questionava-se como iria pagar o arranjo.

Tudo aconteceu às 7.20 horas da manhã de domingo, em plena Estrada Nacional 14. João Costa circulava no sentido Porto-Trofa, quando, ao passar por baixo da antiga ponte de comboio, em Lantemil, viu o carro da frente – também um Renault Clio – passar por uma tampa de saneamento e levantá-la e, sem ter tempo para desviar-se ou parar, acabou por passar por cima do buraco.

O proprietário do outro carro, Paulo Sinval, criticava o estado de degradação da tampa de saneamento, afirmando que “ela já ameaçava sair há algum tempo”. Ao levantar a tampa, esta veio arrastada durante vários metros, causando danos na parte inferior do automóvel.

No meio dos estragos, os protagonistas louvavam o facto deste incidente não ter sido mais grave.

A Brigada de Trânsito foi chamada ao local para tomar conta da ocorrência, que resultará num processo que os proprietários vão enviar à autarquia para que sejam ressarcidos dos estragos provocados pela tampa de saneamento.