A autarquia da Trofa volta a dedicar uma semana completa à educação e à ciência. A entrega dos prémios de mérito escolar aos alunos do concelho marcou o arranque oficial da IV Semana da Educação 2009, que se estende até sexta-feira.

 À semelhança de anos anteriores, a Câmara Municipal da Trofa volta a promover a educação no concelho com a quarta edição da Semana da Educação, que arrancou na passada segunda-feira, com a entrega dos prémios de mérito escolar. Perante uma plateia preenchida na Escola Secundária da Trofa os alunos com melhor aproveitamento escolar viram o seu esforço recompensado e subiram ao palco para receber os galardões de mérito. Este ano a cerimónia incluiu ainda o reconhecimento de alguns dos cerca de 174 funcionários da autarquia que realizaram uma formação para a qualidade. Entre os estudantes contemplados o sentimento de orgulho era comum e todos partilham da mesma opinião de que estudar compensa e muito. Maria Rita Ferreira está agora no primeiro ano de Medicina no Instituto de Ciências Biomédicas de Abel Salazar, no Porto, e recebeu o prémio relativo ao 12º ano. “Enquanto estudantes do ensino básico é este o nosso trabalho e se nos esforçarmos para dar o nosso melhor cada dia isso vai-se revelar cada vez mais”, afirmou ao NT/TrofaTv. O orgulho é consentido por Francisco Diogo, que arrecadou um prémio relativo ao seu 9º ano no Colégio da Trofa. “Foi com algum empenho e trabalho meu, já é a segunda vez que recebo e é sempre muito bom ver o nosso empenho e o nosso mérito reconhecidos”, considerou.

Para o vereador da Educação da autarquia, António Pontes, a cerimónia de entrega de prémios de mérito escolar possui “um simbolismo muito grande, porque é premiar aqueles que trabalharam e se esforçaram mais para terem boas notas e depois, do ponto de vista da sua carreira académica e profissional, serem bem sucedidos”.

A realizar-se há já quatro anos, a Semana da Educação tem como objectivo “olhar de uma forma muito especial e mais atenta para tudo o que tem a ver com a educação no concelho”, de acordo com António Pontes.

Ao longo da semana decorrem ainda os ateliers “Despertar para a Ciência”, entre as 9.30 e as 11.30 horas e entre as 14 e as 16.30 horas na antiga fábrica da Ráfia, dirigidos a todos os alunos dos estabelecimentos de ensino no concelho. Segundo o vereador da Educação, o objectivo deste projecto é “fazer com que as crianças vejam uma forma de se poderem familiarizar com aquilo que tem a ver com as áreas científicas e tecnológicas e não entenderem a matemática e as físicas como algo inultrapassável e difícil de vencer”.

A Semana da Educação termina com a Feira da Profissões que decorre nos dias 22 e 23 de Abril, entre as 11 e as 18 horas, numa iniciativa dirigida essencialmente aos alunos do 3º ciclo e secundário. Proporcionar aos jovens trofenses a oportunidade de encontrar soluções para o seu futuro profissional, bem como aconselharem-se sobre determinadas profissões com os técnicos presentes, é o principal objectivo da Feira das Profissões.