inauguracao-creche 

Foi perante a alegria e inquietude própria de crianças que D. João Miranda Teixeira, Bispo Auxiliar do Porto, benzeu, esta terça-feira a creche do Centro Social e Paroquial de S.Martinho de Bougado. Secretário de Estado da Segurança Social presidiu à cerimónia e considerou a Trofa como “um município que está à frente em termos europeus”.

Há já três meses que os 38 inquilinos de palmo e meio dão vida, de segunda a sexta-feira, à creche do Centro Social e Paroquial de S. Martinho de Bougado. Uns mais escondidos pela timidez, outros mais extrovertidos, todos olhavam atentamente para mais de duas mãos cheias de mulheres e homens que estranhamente e ao contrário do habitual, lhes invadiram as salas.

Com alguns sorrisos e muitas brincadeiras os mais pequeninos assistiram à inauguração da sua creche, feita pelo Secretário de Estado da Segurança Social e pela presidente da autarquia da Trofa Joana Lima. Alguns deles não resistiram e correram para o colo da presidente da Câmara.

Referindo que na Trofa “existe um desenvolvimento forte em termos de equipamentos sociais”, Pedro Marques salientou que Portugal e também a Trofa estão “na linha da frente na Europa em matéria de creches”. “A Trofa está nos referenciais europeus com estes mais de 300 lugares em creche que estão concluídos ou em construção no concelho”, referiu o governante ao NT/TrofaTv, sublinhando que a Trofa “é um exemplo de coesão social com os equipamentos que se estão a desenvolver e vão continuar a desenvolver no futuro”. Da visita às instalações da creche, que actualmente acolhe 38 crianças, Pedro Marques retirou a satisfação de verificar uma valência “com enorme qualidade, que chegou depressa ao serviço das famílias e foi feita de uma forma eficiente, sem exageros e sem luxos”.

A “grande simplicidade” e “grande capacidade de resposta” são também motivo de orgulho para Joana Lima, presidente da autarquia trofense, pois reflectem a “articulação entre o associativismo, a autarquia e o Estado”. Para a edil trofense “é nas crianças que reside o nosso maior capital de esperança” e este equipamento vem assim “colmatar uma importante lacuna” na área de apoio à infância. Joana Lima garantiu a continuidade do apoio da autarquia em matéria social, para assegurar o bem-estar das crianças e idosos do concelho. “Continuaremos a dar um apoio forte nesta área, iremos acompanhar e apoiar do ponto de vista financeiro os subsídios que foram atribuídos”, sustentou a autarca.

Constituída por dois berçários, para crianças dos 3 aos 12 meses, e três salas de actividades para as crianças com um, dois e três anos de idade, a Creche do Centro Social e Paroquial de S. Martinho de Bougado está capacitada para 50 crianças. De acordo com o padre Luciano Lagoa, responsável pelo Centro Social e Paroquial de S. Martinho de Bougado, o equipamento está dotado de todas as valências adaptadas às exigências e necessidades das crianças. Realçando “a conjugação dos vários esforços” que tornaram possível a concretização da obra, Luciano Lagoa sublinhou que a creche “não substitui a família”, mas “é um instrumento de ajuda às famílias”, sendo essa “a grande força deste projecto”.

Num investimento total de mais de 327 mil euros, a nova creche, construída em cerca de seis meses, é financiada em 60 por cento pelo Estado, ao abrigo do PARES – Programa de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais, 30 por cento pela Câmara Municipal da Trofa e em 10 por cento pela própria instituição.