A Santa Casa da Misericórdia da Trofa foi a primeira instituição a receber a nova valência implementada pela autarquia trofense, o "Cantinho do Consumidor Idoso".

   Este novo equipamento social procura dar apoio aos seniores do concelho enquanto consumidores, no que concerne ao conjunto dos seus direitos e deveres e tenta resolver os conflitos emergentes de relações de consumo.

A assinatura do protocolo entre a Santa Casa da Misericórdia e a Câmara Municipal da Trofa teve lugar nas instalações da instituição, na passada quinta-feira e contou com a presença do provedor da Santa Casa da Misericórdia da Trofa, o comendador Amadeu Pinheiro, do presidente da autarquia, Bernardino Vasconcelos e com o vereador do pelouro da defesa do consumidor, Jaime Moreira.

Referindo a "honra" em assinar este protocolo de cooperação, Amadeu Pinheiro reforçou o facto da instituição "dentro do possível estar sempre disposta a colaborar com a Câmara Municipal".

"Inauguramos este Cantinho do Consumidor, uma acção louvável e bem-vinda, não só nesta casa, pois será um lugar em que os nossos seniores poderão depositar os seus problemas que depois a Câmara ou alguém incumbido da tarefa dará resposta aos assuntos", referiu o responsável.

O presidente da autarquia, Bernardino Vasconcelos, sublinhou a importância deste dia para a comunidade trofense, com a implementação desta valência que tem um "sentido extraordinário, porque descentraliza o Centro Municipal de Informação ao Consumidor (CMIC) para estar mais perto daqueles que são mais frágeis, porque não estão habituados a novos métodos de venda de serviços. Assim conseguirão estar a par de todos os seus direitos e deveres de uma forma personalizada por cada uma das instituições.

O edil referiu ainda que este é um projecto que não ficará por aqui e será alargado a mais instituições de solidariedade do concelho.

Para além da apresentação desta valência e assinatura do protocolo de cooperação, foram lançados ainda a Agenda do Consumidor e o novo Boletim Informativo do CMIC