No Campeonato Nacional de Estrada 2014, que se realizou no domingo, 12 de janeiro, em Elvas, o trofense Rui Pedro Silva e Dulce Félix, ambos atletas do Benfica, sagraram-se campeões nacionais, dedicando a vitória a Eusébio e à atleta Marta Pen.

Bastou 29.38 minutos para que Rui Pedro Silva cumprisse os dez quilómetros da 21ª edição do Campeonato Nacional de Estrada 2014, sagrando-se campeão nacional.

O trofense, atleta do Benfica, considerou que esta foi “uma corrida um pouco dura” e com “muito sobe e desce”, o que “dificulta a manutenção de um ritmo certo”. Contudo, Rui Pedro Silva afirmou que foi “muito bom vencer”, repetindo o êxito de 2009.

Em simultâneo, decorreu a prova feminina, que teve como campeã Ana Dulce Félix, que conquistou o seu terceiro título nacional na especialidade em 33.44 minutos, dedicando-o a Eusébio e a Marta Pen, cujo pai morreu no sábado, enquanto assistia à prova da filha no campeonato regional de Lisboa. “O meu objetivo era tentar ganhar e homenagear Eusébio e também dar um beijinho especial à nossa querida Marta Pen, que infelizmente está a passar um mau momento por falecimento de seu pai”, declarou Ana Dulce Félix.

Com o Benfica a dominar o nacional de estrada, o treinador da equipa, Nogueira da Costa, mostrou-se “confiante” no grupo de trabalho quanto aos próximos desafios. “Estávamos à espera, o Benfica como grande clube que é – e com a mentalidade que sempre teve e terá de continuar a ter – nas provas em que entra é para ganhar e o objetivo era esse e cumpriu-se”, frisou, dedicando também a vitória a Eusébio e Marta Pen.

Esta 21ª edição da competição foi realizada em conjunto com a Corrida das Linhas de Elvas.