Edifício sede da Junta de Freguesia do Coronado foi palco da sessão do lançamento do livro “Palavras Sussurradas” da romanense Alexandra Santos.

“Brisa suave que entras pela janela,//Me sussurras e instigas//A voar…/Mas asas não as tenho,//Qualidade terei para me elevar?//Dúvida perpétua do meu pensamento,//Faz-me fechar os olhos e sonhar(…)” O poema figura na contracapa do livro “Palavras Sussurradas”, que foi lançado pela romanense Alexandra Santos, numa sessão que decorreu na tarde de domingo, 6 de abril, no edifício sede da Junta de Freguesia do Coronado.

“Palavras Sussurradas” é um livro de poesia que contém “48 poemas com os mais variados temas”, entre os quais se encontra “o amor, a paixão, a desilusão amorosa, mas também a reflexão sobre o ser humano, a natureza, problemas sociais e a vida em geral”.

Professora de Português e Inglês, “a leitura e a escrita sempre fizeram parte da vida” de Alexandra Santos, sendo que, “dois dos poemas” foram escritos quando “tinha 18 anos”. “Todos os restantes foram criados no decurso dos dois últimos anos, quando me vi pela primeira vez desempregada e com tempo para refletir sobre a minha vida e a sociedade em geral”, contou, adiantando que “à medida que ia escrevendo, ia colocando-os no Facebook”.

Recebendo “comentários positivos”, Alexandra sentia-se incentivada “a continuar a escrever e a tentar publicar”. E como um dos seus “sonhos de menina era escrever um livro”, a romanense sente-se “muito feliz” por ter conseguido torná-lo “realidade”.
As pessoas presentes no lançamento “gostaram bastante” do livro, tendo já recebido “um feedback bastante positivo” por parte de quem já o leu. “Não sei se publicarei ou não outro livro, se o próximo será ou não de poemas, mas estou certa que continuarei a escrever, porque é algo que gosto de fazer e tenho gostado cada vez mais”, assegurou.
“Palavras Sussurradas” está em “fase de distribuição”, podendo ser encontrado “em qualquer livraria ou então encomendado online no website da Chiado Editora, na Wook, na Bertrand Online e Sítio do Livro”.

A sessão do lançamento do livro contou com os discursos de José Ferreira, presidente da Junta de Freguesia do Coronado, e de Anabela Pinto, representante da Chiado Editora. A escritora, que apresentou o seu percurso, foi dada a conhecer através da amiga Miriam Cláudio. A sessão terminou com a leitura de alguns poemas acompanhados à guitarra por Pedro Maia.