quant
Fique ligado
Ministro inaugura Espaço do Cidadão 33 Ministro inaugura Espaço do Cidadão 33

Edição 532

Poiares Maduro inaugura Espaços Cidadão em Alvarelhos e S. Romão

Publicado

em

Ministro inaugura Espaço do Cidadão 33
O ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Poiares Maduro, andou numa maratona de inaugurações de novos Espaços do Cidadão. O concelho da Trofa foi contemplado com dois Espaços do Cidadão nas freguesias de Alvarelhos e Guidões e na do Coronado.
Depois de “cortar a fita” de acesso ao novo espaço e de descerrar a placa juntamente com o ministro, Adelino Maia, presidente da Junta de Freguesia de Alvarelhos e Guidões, teve a oportunidade de dizer, publicamente, ser “uma honra” ter o Espaço do Cidadão instalado no polo de Alvarelhos da Junta de Freguesia. Em entrevista ao NT e TrofaTv, Adelino Maia denotou ser “muito importante” a instalação deste serviço, uma vez que as pessoas vão sentir-se “em casa e qualquer coisa que precisem” podem tratar aí. “Há pessoas que sabem trabalhar na internet e resolvem muita coisa em casa, mas num meio rural como o nosso é muito bom. Este Espaço do Cidadão vindo ontem já era tarde, mas mais vale tarde do que nunca”, ironizou.
Seguiu-se, a inauguração do Espaço do Cidadão no polo de S. Romão da Junta de Freguesia do Coronado. Mas desta vez, o presidente, o socialista José Ferreira, não teve a oportunidade de dizer “uma palavra publicamente”. “Não me foi dada a palavra, mas fiz ver ao senhor ministro que gostei muito de o ter cá e de que gostaria muito de, publicamente, o ter cumprimentado e agradecido a presença dele em tão importante iniciativa e momento para a nossa freguesia”, mencionou o autarca ao NT, frisando que a Junta “é parceira neste projeto”, uma vez que “cede as instalações e toda a logística” e gastou “muito dinheiro” em “obras de beneficiação e adaptações necessárias para a instalação deste Espaço do Cidadão”.
José Ferreira denotou que esta é “uma valência importante, na questão da proximidade”, pois as pessoas, “principalmente de mais idade, que têm grande dificuldade de se deslocar da freguesia para os concelhos vizinhos ou até à sede do concelho” têm agora na Junta “a possibilidade de se fazerem valer destes serviços de proximidade”.
Na inauguração do Espaço do Cidadão de Riba de Ave, em Vila Nova de Famalicão, o ministro citou o relatório da OCDE que aponta os Espaços do Cidadão e as Lojas do Cidadão como “uma reforma exemplar” para todos os países da OCDE, da administração pública em Portugal. “É um novo modelo de organização que assenta muito na cooperação com o poder local e numa nova forma de organização da administração pública mais integrada em que os diferentes serviços da administração pública cooperam entre si, permitindo uma maior racionalidade, maior eficiência, mas, sobretudo, maior qualidade na prestação de serviços públicos aos cidadãos e maior proximidade”, mencionou.


Que serviços prestam o Espaço do Cidadão?

Estes balcões permitem tratar de assuntos relacionados com a carta de condução, realizar serviços da Segurança Social Direta, solicitar nova senha de acesso ou uma caderneta predial junto da Autoridade Tributária, efetuar pedidos de certidão (civil, comercial ou predial), apresentar despesas junto da ADSE, tratar de assuntos relativos a emprego e formação profissional, alterar a morada no cartão de cidadão e solicitar o cartão europeu de seguro de doença, entre outros.
Os Espaços do Cidadão concretizam o conceito de atendimento digital assistido, que permite aos cidadãos não possuidores de recursos que lhes facultem o acesso à internet ou de literacia informática, o acesso a diversos serviços digitais da Administração Central com a ajuda de mediadores.

Continuar a ler...
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Edição 532

Crónica ACeS: Chegou o verão! Não podemos esquecer os cuidados com o sol e com o calor

Publicado

em

Por

Todos os verões as autoridades de saúde repetem os conselhos relativamente aos cuidados a ter com o calor e o sol. E devido à importância destas recomendações, decidimos relembrar na crónica deste mês estas recomendações.

(mais…)

Continuar a ler...

Edição 532

Opinião: Metro: para Lisboa tudo, para a Trofa nada

Publicado

em

Por

O aumento do investimento que tem sido feito, ao longo dos anos, para o crescimento das linhas do Metro na Grande Lisboa tem sido uma constante, contrastando com o parco, ou nenhum investimento que o poder centralista lisboeta tem tido com outras regiões do país, nomeadamente com o Porto, e mais concretamente com a Trofa, que se viu espoliada do seu meio de transporte tradicional, o comboio, que existia há muitos e muitos anos.

(mais…)

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também