colegio-trofa-1 

Para que as crianças e jovens cresçam e se desenvolvam em harmonia, o Colégio da Trofa tem vindo a apostar na requalificação profunda das suas instalações. Depois de completar e aperfeiçoar todas as infra-estruturas, Manuel Pinheiro, director da instituição, quer dar asas ao sonho de construir uma piscina coberta no recinto.

“Vamos avançar com o projecto e licenciamento para uma piscina coberta no recinto do Colégio para que todos os alunos possam ter acesso à piscina e ter aulas de natação de forma regular e integrada nas actividades normais ao longo do ano”, adiantou Manuel Pinheiro, em declarações ao NT. O director do Colégio da Trofa quer ver a infra-estrutura concluída no decurso do próximo ano lectivo e, depois de acabada, o responsável garante que o Colégio da Trofa será “das poucas escolas públicas e privadas que conseguem disponibilizar aos seus alunos uma piscina para a prática desportiva”.

Desde o início do passado ano lectivo que o Colégio da Trofa tem vindo a ser alvo de uma requalificação para garantir “um ensino de excelência”. Em todas as salas de aula os velhos quadros em giz foram substituídos pelos quadros electrónicos, o pavilhão e a cantina foram dotadas de equipamentos modernos, enquanto o antigo ginásio está a ser transformado num auditório para festas e reuniões e as casas de banho foram reconstruídas e adaptadas aos diferentes níveis etários. Para além de salas de aulas renovadas, com acesso à Internet e uma mediateca, os alunos dispõem também de dois novos laboratórios, um de Biologia e outro de Física e Química a que se vai juntar um outro ainda por criar, uma nova sala de Educação Visual e uma nova mediateca para o ensino pré-escolar e do primeiro ciclo.

Depois de uma sala de professores devidamente apetrechada e um recreio para o ensino pré-escolar e primeiro ciclo já em curso, é objectivo da instituição criar uma horta pedagógica e mais um espaço de lazer, com sítio reservado para pássaros exóticos, “para que os alunos possam tomar conhecimento desta realidade animal”, conforme explicou Manuel Pinheiro.

Actualmente com 460 alunos, o Colégio da Trofa regista uma elevada taxa de crescimento e, segundo o director, a seguinte meta traçada é chegar aos 550 alunos no próximo ano lectivo e depois em “velocidade de cruzeiro continuar a trabalhar para chegar aos 600”.

O futuro do Colégio da Trofa pode ainda reservar espaço para um eventual serviço de creche. De acordo com Manuel Pinheiro, os pais e encarregados de educação têm vindo a pedir uma resposta ao nível deste serviço, mas o responsável reconhece que tal implicará decisões e infra-estruturas adequadas.

Não menos importante do que as actividades contempladas no plano curricular, são as actividades extra-curriculares orientadas para a máxima “Mente sã em corpo são” que o Colégio da Trofa defende. Ballet, natação nas piscinas do Aquaplace, dança criativa e expressão musical são algumas das actividades de que os alunos podem usufruir. E para reforçar o ensino da Língua Inglesa, a instituição celebrou um protocolo com a Bristol School.

E numa altura em que é necessário redobrar cuidados com a Gripe A, o Colégio da Trofa elaborou um plano de contingência que contempla, entre outras medidas, o uso de utensílios adequados para a limpeza das mãos e higienização das casas de banho. Foi ainda criada “uma sala de isolamento para a eventualidade de surgir um aluno ou adulto com sintomatologia de Gripe A”, adiantou Manuel Pinheiro.