PCP questionou Nuno Crato, ministro da Educação, acerca da suspensão das obras da Escola Secundária da Trofa.

Como justifica a suspensão destas obras? Por que razão não foi a comunidade escolar avisada e ouvida sobre este processo? Para quando prevê este Ministério retomar as obras agora suspensas? Estas foram as questões levantadas, através de um requerimento, pelo deputado do Partido Comunista Português, Jorge Machado, ao ministro da Educação, Nuno Crato, sobre a suspensão das obras de requalificação da Escola Secundária da Trofa.

Este partido considera que a comunidade educativa deste estabelecimento merece ter “respostas concretas para a justificação desta medida, tomada, unilateralmente, sem consultar ninguém da escola e para quando se prevê a finalização das obras”.

Jorge Machado questionou o ministro da Educação depois de o assunto ter vindo a público através da reportagem feita pel’O Notícias da Trofa. O PCP defende que “a população da Trofa não merece esta discriminação, principalmente os nossos jovens que são o maior investimento que se pode realizar para ter um país cada vez melhor”. “Há, em cada cidadão, uma razão para lutar por um futuro digno e motivos para não calar as imensas injustiças praticadas por este governo e o PCP na Trofa será, como sempre foi, o aliado com que podem contar”, acrescentaram os comunistas.

Recorde-se que a empresa pública Parque Escolar, suspendeu as obras de remodelação da Escola Secundária da Trofa, em novembro de 2011, apanhando de surpresa a comunidade escolar e a direção do estabelecimento.

Leia mais na edição desta semana d’ O Notícias da Trofa.

 {fcomment}