A aldeia de Paradela, em S. Martinho de Bougado, esteve em festa no fim-de-semana com o habitual Arraial de S. Pedro, organizado pela Associação Recreativa de Paradela.

A promessa de “completar” o Largo de S. Pedro, em Paradela, S. Martinho de Bougado, foi cumprida ao ser inaugurada, na passada sexta-feira, uma estátua em pedra do Santo, na abertura do Arraial de S.Pedro organizado pela ACR Paradela.

Abençoada pelo pároco de S. Martinho de Bougado, Luciano Lagoa, a estátua de S. Pedro é agora uma realidade há muito ansiada na freguesia.

Satisfeito por “tornar realidade um desejo antigo do povo de Paradela”, José Ferreira, presidente da AR Paradela, explicou ao NT que a vontade de colocar uma estátua no Largo de S. Pedro em Paradela surgiu por parte de uma habitante da aldeia, que vinha apelando o presidente da associação há já três anos nesse sentido. “É uma obra bonita, que nos deu bastante trabalho e estou muito feliz com isso”, afirmou.

s.pedroparadela

Sobre o Arraial de S. Pedro que animou o fim-de-semana em Paradela, José Ferreira faz um balanço cada vez mais positivo a cada ano que passa. “Com o desenrolar dos anos, a associação foi crescendo e fomos melhorando, e este ano uma das remodelações que fizemos foi colocar o bar no recinto das escolas onde a associação joga”, adiantou.

Pela dimensão crescente que a festa vai assumindo, José Ferreira não deixou ainda de realçar o trabalho desenvolvido por toda a equipa que contribui para que o Arraial seja um sucesso. “Temos envolvidas cerca de 50 pessoas a trabalhar nisto, não só pessoas da associação, mas habitantes que nos ajudam ao longo dos anos”, salientou.

Para além da inauguração da estátua de S. Pedro, a abertura do Arraial contou com a tradicional largada de balões, a abertura das Tasquinhas da Associação, com vinho e petiscos e ainda a actuação dos Sons e Cantares do Ave e de Mélyssa e MC Glowa.

Já no sábado o habitual porco no espeto fez as delícias daqueles que se quiseram associar ao Arraial de S.Pedro, a juntar-se à actuação da Banda Baile Pedra e Cal e à Grandiosa Sessão de Fogo de Jardim.