quant
Fique ligado

Noticias

O que deve saber para pedir um crédito pessoal 100% online?

A tão falada transição digital chegou aos pedidos de crédito pessoal. À semelhança do que vem acontecendo com muitos outros domínios da nossa vida, de que são exemplos as compras de roupa e eletrodomésticos ou até a renovação do Cartão de Cidadão, já é possível fazer um pedido de crédito pessoal 100% online e usufruir do financiamento sem ter que se deslocar a uma agência bancária.

Publicado

em

A tão falada transição digital chegou aos pedidos de crédito pessoal. À semelhança do que vem acontecendo com muitos outros domínios da nossa vida, de que são exemplos as compras de roupa e eletrodomésticos ou até a renovação do Cartão de Cidadão, já é possível fazer um pedido de crédito pessoal 100% online e usufruir do financiamento sem ter que se deslocar a uma agência bancária.

Apesar de o mundo digital aparecer como algo complexo, a verdade é que o processo de pedir um crédito pessoal online é mais simples e rápido do que aquilo que possa pensar.

Se não acredita, siga-nos neste périplo e fique a saber tudo o que precisa para contratualizar esta ferramenta de financiamento.

Crédito pessoal 100% online: tudo o que precisa de saber

Procurar um banco/instituição de crédito online

Como é fácil de compreender, o primeiro passo a dar é pesquisar no motor de busca Google por “crédito pessoal 100% online” e começar as ver as condições que os diversos bancos e instituições financeiras de crédito online oferecem.

Se o link onde clicar não o enviar diretamente para a página de crédito pessoal, algo que acontece na maior parte dos casos, procure no site da instituição bancária por ela. Normalmente esta procura é bastante fácil e rápida.

Assim que entra na página de crédito pessoal online, ser-lhe-á oferecido um simulador de crédito pessoal onde vai poder calcular um pedido de financiamento para o montante e prazos que tenciona pedir.

Por norma, os valores de crédito pessoal online variam entre os 200€ e 75.000€ com prazos de pagamento que oscilam entre os 6 e os 84 meses.

Publicidade

Além do valor do financiamento e do prazo de reembolso, através deste simulador é, ainda, possível ficar a saber qual a TAEG (Taxa Anual de Encargos Efetiva Global) e a TAN (Taxa Anual Nominal) que serão aplicadas ao valor pedido e qual será o montante total (MTIC – Montante Total Imputado ao Consumidor) em que terá que reembolsar a instituição para o prazo que escolheu.

Contratualização e documentos necessários

Caso a simulação que efetuou vá ao encontro das suas necessidades em termos de montantes e prazos, basta-lhe carregar no botão “Aderir Já” que normalmente acompanha o simulador e começar o processo de contratualização do seu crédito pessoal online.

Este processo começa com o preenchimento de um formulário online onde deverá inserir os seus dados pessoais e os documentos solicitados de modo a finalizar o seu pedido de crédito.

Caso se esteja a perguntar que documentos lhe serão requeridos, por norma, as instituições de crédito pedem:

  • Cartão de Cidadão;
  • Última declaração de IRS;
  • Últimos 3 recibos de vencimento;
  • Comprovativo de morada;
  • Comprovativo de NIB/IBAN.

Como se percebe, a burocracia envolvida neste pedido online é menor do que nas contratualizações normais bastando-lhe, após reunir os documentos necessários, digitalizar os mesmos e anexá-los ao pedido de crédito para finalizar o seu pedido de crédito.

Prazos de resposta

O crédito pessoal online é mais rápido do que um “tradicional” pedido de crédito num balcão físico sendo que, na maior parte dos casos, o prazo de resposta à sua solicitação é de entre 24 e 48 horas e, uma vez validado, o montante é depositado na sua conta até dois dias úteis depois.

Exemplo prático

Se, depois das nossas explicações, ainda resistem algumas dúvidas, vamos dar-lhe um exemplo prático de um pedido de crédito pessoal online.

Publicidade

Quando o mecânico lhe disse que o arranjo do seu carro envolveria valores muito altos para aquilo que a viatura valia no mercado, o Sr. Joaquim começou a deitar contas à vida para comprar um novo, uma vez que o carro é essencial para se dirigir para o trabalho.

Como a sua carteira não colaborava para a satisfação desta sua necessidade premente, o nosso personagem decidiu verificar quais as condições que as diversas soluções de crédito pessoal no mercado português ofereciam.

Sem carro para se deslocar a um balcão físico de um banco e com pouco tempo a perder em filas, o Sr. Joaquim optou por pedir que o seu filho João, mais à vontade com as tecnologias digitais, fizesse uma pesquisa online por créditos pessoais. Após uma rápida pesquisa, o João para na página de crédito pessoal do UNIBANCO, marca da UNICRE – instituição financeira de crédito.

Tal como referimos anteriormente, ao clicar nesta página, o filho do Sr. Joaquim vai encontrar um simulador de crédito pessoal que lhe permitirá realizar uma simulação (com possibilidade de seguro) para valores entre os €5.000 e os €75.000, bem como optar por prazos de pagamento que oscilam entre 24 e 84 meses.

Interessado naquilo que o seu filho lhe mostra, o nosso personagem decide fazer uma simulação para um pedido de financiamento de 10 mil euros que pretende pagar no mínimo tempo possível, ou seja, 24 meses no caso.

Realizada a simulação, o Sr. Joaquim obtém um valor de mensalidade de 445,46 euros com uma TAEG de 8,6%, TAN de 6,250% e um MTIC de 10867,11 euros.

Agradado com o valor da mensalidade, basta ao nosso personagem clicar na barra “Peça Já” que o reencaminhará par o preenchimento de um pequeno formulário e escolher a opção “100% digital” para finalizar o processo sem sair de casa.

Publicidade

Para além do preenchimento do formulário, ser-lhe-á ainda pedido que introduza os documentos necessários, valide a sua identidade e assine com um código SMS que será enviado para o seu telemóvel. Depois destas etapas concluídas, o Sr. Joaquim já pode ir escolhendo o carro que pretende adquirir, uma vez que, depois de o crédito pessoal aprovado, terá o dinheiro que pediu na sua conta bancária num par de dias.

Tudo isto sem sair de casa.

Continuar a ler...
Publicidade

Edição 766

Crédito Agrícola premeia associação que apoia crianças e jovens deficientes de Vizela

Publicado

em

Por

O Crédito Agrícola premiou o projeto da AIREV – Associação para a Integração e Reabilitação Social de Crianças e Jovens Deficientes de Vizela, no concurso “DIA CA Sempre Sustentável”.
Destinada a apoiar entidades da economia social, clientes do grupo financeiro, esta iniciativa tem como objetivo “implementar projetos de impacto positivo no ambiente, nomeadamente nas áreas da descarbonização, economia circular ou serviços dos ecossistemas”
A AIREV foi a associação a merecer o prémio da região Norte, no valor de dez mil euros, que servirão para adquirir um veículo elétrico.
“O carro eléctrico será uma mais-valia para a AIREV pois permitirá dar resposta às várias solicitações sociais ativas que exigem a deslocação de técnicos e utentes, mas com custos mais reduzidos – o que representará uma poupança a longo prazo, fator de extrema importância para uma instituição social de dimensão concelhia. Além disso, a utilização de um carro eléctrico beneficiará o ambiente, pois será reduzida a emissão directa de gases poluentes para a atmosfera”, explicou o Grupo Crédito Agrícola, em nota informativa.
A entrega simbólica do prémio aconteceu a 20 de maio, num momento em que esteve presente o administrador do Crédito Agrícola Mútuo do Médio Ave, António Abreu.
No concurso, foram ainda contemplados com um prémio monetário a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Cabanas de Viriato (região Centro), o Grupo de Socorro Animal de Portugal (região Sul) e Querer é Saber – Associação – Açores (Ilhas).
Através do concurso “DIA CA Sempre Sustentável”, o Crédito Agrícola pretende cimentar o posicionamento como “banco de referência na temática da sustentabilidade, assumindo o compromisso de contribuir para a preservação dos ecossistemas, a redução na produção de resíduos, a redução dos impactos das alterações climáticas, o combate às desigualdades sociais e de ser uma voz ativa na promoção de práticas de sustentabilidade”.

Continuar a ler...

Trofa

Encontrada sem vida mulher desaparecida em Santiago de Bougado

A mulher desaparecida desde a manhã desta sexta-feira foi encontrada sem vida, na Rua Nicolau Nasoni, em Santiago de Bougado.

Publicado

em

Por

A mulher desaparecida desde a manhã desta sexta-feira foi encontrada sem vida, na Rua Nicolau Nasoni, em Santiago de Bougado.

Carlinda Campos terá sofrido uma paragem cardiorrespiratória enquanto caminhava naquela zona, que dá acesso ao rio.

No local estão os Bombeiros Voluntários da Trofa e a Guarda Nacional Republicana.

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também