O “Cão” de Humberto Santos entrou pelo Zurra adentro e rodeado de água terá suscitado a curiosidade artística dos que passaram pela Vila do Coronado. Já o Óscar, também cão, mas de carne e osso, ganhou novo ânimo ao mudar-se do canil da Trofa para a casa da família que o acolheu. É que nem só de burros vive o Zurra, a iniciativa eco-friendly da APVC (Associação de Proteção do Vale do Coronado), que cumpriu a 5.ª edição a 23 de setembro. 

Leia a notícia completa na edição do NT, já nas bancas