Cerca de 550 famílias beneficiaram da oferta dos cabazes de Natal da Câmara Municipal da Trofa.

Bolo-rei, aletria, queijo, manteiga, leite, sumo, arroz, massa, latas de conservas, feijão e bolachas são alguns dos produtos que compõem os cerca de 550 cabazes de Natal oferecidos pela Câmara Municipal da Trofa, que espera, assim, ajudar a encher as mesas das famílias mais carenciadas, no dia de Natal. Para José Magalhães Moreira, vereador da Acção Social da autarquia, esta “é uma oferta muito importante”, a julgar pelo “interesse que as famílias demonstram em obter os cabazes”.

“Este ano, os cabazes de Natal tiveram um esquema de distribuição diferente dos anteriores. A Acção Social da Câmara Municipal entendeu que tinha que dar o papel primordial às Comissões Sociais de Freguesia (CSF) no processo de atribuição desta ajuda”, explicou o autarca. Desta forma, a autarquia procurou “desligar-se” do processo: “Não nos vão acusar de estar a fazer política, dando o cabaz a uma ou outra pessoa porque o que interessa é o voto. Assim, quem beneficia da ajuda são as famílias que as CSF definiram como sendo as que tinham essa necessidade”.

Todo o processo foi, também, coordenado em articulação com instituições que conhecem de perto a realidade das famílias trofenses, como a Cruz Vermelha Portuguesa, a Santa Casa da Misericórdia, a ASAS (Associação de Solidariedade e Acção Social), a Associação Muro de Abrigo e a Segurança Social.