Na noite de 25 de abril, a concelhia da Trofa do Partido Comunista Português organizou um espetáculo comemorativo dos 40 anos da revolução de 1974, com músicas de intervenção. O palco estava montado no largo Costa Ferreira, mas a chuva afastou o público e atrasou o início da atuação.

Munidos de guitarras, foram os próprios os elementos do partido que deram a voz ao manifesto, diante de um público pequeno, mas resistente ao capricho de S. Pedro.