O ministro da Economia e Inovação, Manuel Pinho visitou esta terça-feira a empresa IVN, detentora da marca de Jeans Salsa e jantou à noite com empresários trofenses e com a líder do PS Trofa Joana Lima.

Manuel Pinho visitou esta terça-feira empresas da zona do Vale do Ave onde anunciou um pacote de 850 milhões de euros de apoio aos sectores textil, de calçado, e vestuário que incluiu ainda 23 medidas especificas para aquelas indústrias.

O ministro adiantou que estas medidas “resultam de um trabalho de parceria conjunta” entre o Governo, as associações empresariais e empresas”. O governante salientou “a necessidade levar as medidas para o terreno, porque temos um grande desafio que é ultrapassar esta crise, vê-se ânimo, não se vê medo nas pessoas vê-se vontade de vencer” adiantou durante à visita à empresa Ivn, detentora da marca Salsa.

Mais que “um balão de oxigénio esta é a oportunidade que o sector merece” adiantou.

Miguel Pinho assumiu-se como “um grande fã deste projecto, um grande admirador do Filipe Vila Nova” a quem parabenizou pela inovação com que tem enriquecido a industria do vestuário em Portugal e no mentdo”, adiantou.

O ministro mostrou-se admirado por ás 20 horas os colaboradores do grupo IVN ainda estar na empresa e gracejou perguntando “ainda cá estão por minha causa?”.

Já Filipe Vila Nova estava satisfeito com a visita de Manuel Pinho que classificou como ” reconhecimento do ministro da Economia nosso trabalho ao longo destes anos”.

Crise é palavra que não faz parte do vocabulario de Filipe Vila Nova ” encaramos a crise numa perspectiva de oportunidade e não de dificuldade” adiantando que “as nossas inovações são a resposta à crise”.

Depois da visita o ministro da Economia jantou com empresários da Trofa num restaurante da cidade onde esteve acompanhado pela líder do Partido Socialista da Trofa e deputada Joana Lima, pela deputada Paula Cristina, eleita pelo círculo eleitoral do Porto e pelo Secretário de Estado Adjunto, da Indústria e Inovação, António Castro Guerra.

De acordo com o ministro o jantar “foi informal e reuniu aqui na Trofa grandes empresários e amigos”, adiantou o ministro.