Com o intuito de reconhecer o empenho dos alunos mais dedicados, a empresa Eurico Ferreira, numa parceria com a Escola Secundária da Trofa, premiou, no dia 17 de fevereiro, os alunos do quadro de mérito.

O novo auditório da Escola Secundária da Trofa foi o local escolhido para receber alunos, professores e encarregados de educação, que quiseram estar presentes na cerimónia dos “Prémios de Mérito Eurico Ferreira”, que decorreu na sexta-feira, pelas 18.30 horas. 

A entrega dos prémios foi realizada em duas partes, primeiro foram premiados os dois melhores alunos do 10º, 11º e 12º ano do Curso Cientifico e Humanístico e, de seguida, os dois melhores, do 11º e 12º ano, dos Cursos Profissionais. Há 30 anos a lecionar na Escola Secundária da Trofa, Mário Pinto, presidente do conselhogeral, afirma que este prémio serve como “um incentivo para que os alunos apostem mais na sua formação, não só no estudo, mas também na formação humana”. A partir do momento que o grupo Eurico Ferreira começou a apoiar os melhores alunos da escola, há já vários anos, Mário Pinto tem a certeza que os premiados começaram a serem vistos “como uma referência para os outros alunos”, dando-lhes mais vontade para vencer. O que, na sua opinião, “é o mais importante”. “O grupo Eurico Ferreira está a desenvolver um trabalho muito importante, na medida que está a apoiar a principal escola do concelho da Trofa, que é a Escola Secundária”, afirmou.

Carina Duarte arrecadou o primeiro prémio, no valor de 350 euros, correspondente ao seu 12º ano no Curso Profissional Técnico de Secretariado. Com média de 18,3 valores, a aluna garante que “só estudava no dia antes dos testes”, estando atenta durante as aulas. Na sua opinião, os Prémios de Mérito Eurico Ferreira são importantes, pois são “uma forma de ver reconhecidos o empenho e dedicação, durante o ano inteiro”.

Já Mariana Marques, aluna do Curso de Ciências e Tecnologias, recebeu 200 euros, correspondente ao seu 10º ano. Apesar de ser preciso estudar para os testes, salienta que “ajuda muito, se estivermos interessados e atentos nas aulas.” Com média de 18,5, a aluna afirmou que estes prémios são importantes, pois, desta forma, são reconhecidos pelo trabalho que desempenharam, aproveitando para agradecer aos professores, Eurico Ferreira, pais, família e amigos, por contribuírem para o seu sucesso.

À margem do Sarau Cultural, que se realizou na EB 2/3 Professor Napoleão Sousa Marques, Joana Lima, edil trofense, realçou a atribuição dos Prémios Eurico Ferreira e pelo grupo Proef, pois, na sua opinião, “demonstra que a comunidade está ao lado da comunidade educativa”. “Quero dar os meus parabéns à Proef, na pessoa de Eurico Ferreira, por ter uma visão com um alcance muito longo. Os parabéns, porque percebe que sem conhecimento, não há formação e por estar a dar o seu contributo aos jovens e às crianças da Trofa”, congratulou.

 {fcomment}