Depois de seis anos a liderar a Juventude Socialista, Marco Ferreira vai “passar a pasta” nas eleições que se realizam no sábado.

“Foram seis anos muito gratificantes a nível pessoal e que representam para a Juventude Socialista (JS) uma mudança assinalável de uma estrutura que tinha uma atividade política residual para uma juventude partidária que tem um papel muito importante no panorama político local, regional e nacional”. Foi desta forma que Marco Ferreira resumiu o período em que liderou a JS da Trofa, agora que se prepara para “passar a pasta”.

Leia a reportagem completa na edição nº 445 do jornal O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.