As marchas populares estão de regresso a Guidões. Só que, desta vez, foi preciso ir buscar “reforços” fora da freguesia, já que só o lugar de Vilar se organizou para atuar nas festas de S. João.

Face à inércia dos demais lugares, a comissão de festas de S. João de Guidões necessitou de socorrer-se de marchas de concelhos vizinhos, pelo que na noite de 23 de junho, além do grupo de Vilar, apresentam-se perante o público a marcha do Bairro Sul, da Póvoa de Varzim, e a da União de Freguesias de Gondifelos/Cavalões e Outiz, de Vila Nova de Famalicão.

As marchas são o “cabeça de cartaz” do dia grande das festas em Guidões, que ficará também marcado pela tradicional chegada das cestas à Igreja, às 16 horas, e pela sessão de fogo de artifício, à meia-noite.

No dia anterior, 22 de junho, o dia começa às 8 horas, com a entrada do grupo de bombos, que vai anunciar a festa pela freguesia, seguindo-se o hastear dos mastros, às 8.30 horas. A animação noturna está a cargo do grupo musical U.Kapa e a noite encerra com uma sessão de fogo de jardim.

A 24 de junho, último dia de festa, há duas missas de manhã e a atuação da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Moreira da Maia, à tarde. A procissão, cerca das 17 horas, marca o encerramento das celebrações sanjoaninas.

Aires Silva é um dos seis membros que encabeçaram a comissão de festas deste ano. “Já tínhamos decidido organizar a festa em 2018, mas quando falamos com o padre Ramos soubemos que as senhoras se tinham antecipado. Ficamos então de decidir se a assumíamos em 2019 e as condições reuniram-se”, contou em entrevista ao NT.

A comissão começou, então, a trabalhar “em outubro”, com os primeiros peditórios e a realização de atividades de angariação de fundos, como um convívio de S. Martinho e um dia de jogos tradicionais, que foram “importantes” para a obtenção de fundos.

Aires Silva não deixou de manifestar o seu lamento pelo facto de haver apenas um grupo de marchas populares de Guidões, esperando que “em 2020, os lugares se organizem de forma a participar”.

Este ano, a comissão de festas apostou “na iluminação”, com mais decoração para embelezar o centro de Guidões por estes dias que, Aires Silva, espera que sejam “de bom tempo”. “Espero que a população adira e encha o recinto”, vaticinou, sem deixar de agradecer o apoio “a todas as pessoas e empresas que contribuíram para a realização das festas”.

foto: arquivo