Foi na presença de vários membros da Junta de Freguesia e de dezenas de romanenses, que a chave do sacrário e da Igreja de S. Romão do Coronado, foi entregue pelo Padre Lucindo Silva, ao novo pároco da freguesia, Manuel Domingues, no dia 9 de Setembro.

Manuel Domingues, foi nomeado no dia 30 de Julho e no passado domingo foi oficialmente empossado como novo responsável pela paróquia de S. Romão do Coronado, perante o presidente da Junta de Freguesia de S. Romão, Guilherme Ramos e outros representantes da Assembleia de Freguesia, Escuteiros, catequistas e outros movimentos paroquiais e bastantes paroquianos, o padre Luciano Lagoa, de S. Martinho de Bougado e o padre Lucindo Silva.

Depois de solenizada a missa e feito o juramento, o padre Lucindo entregopadre-manuel.jpgu as chaves da igreja ao novo pároco que se mostrou “surpreendido” com esta escolha do Bispo D. Manuel Clemente, visto que sofre de algumas limitações a nível de saúde, mas prometeu “servir a paróquia o melhor possível”, aproveitando a oportunidade para solicitar a colaboração e apoio de todos os paroquianos. De seguida todos participaram num almoço convívio.

Manuel Domingues dos Santos é natural da Freguesia de Lavra, em Matosinho e nasceu a 11 Abril de 1943. é filho de pais agricultores já falecidos, sendo o mais novo dos seis irmãos.

Em Lavra completou a escola primária, a primeira Comunhão e a Profissão de Fé. Entretanto realizou o exame de admissão no liceu D. Manuel II, no Porto.

Entrou no Seminário em Outubro de 1954, e frequentou o Colégio de Ermesinde, Trancoso, em Vila Nova de Gaia, em Vilar no Porto e a Teologia no Seminário Maior no Porto.

Acabou como subdiácono em Julho de 1968, estagiou em Aldoar, no Porto em 1968 e 1969, onde foi ordenado diácono e mais tarde a 26 de Outubro de 1969 foi ordenado Presbítero, na Sé Catedral do Porto, pelo Prelado da Diocese do Porto, D. António Ferreira Gomes.

Após a sua ordenação permaneceu em Aldoar alguns meses, passou pelo Bonfim no Porto como coadjutor e mais tarde foi nomeado pároco de Canelar e Espinanca, no concelho de Arouca, onde permaneceu cerca de dez anos. Em 1979, foi nomeado Pároco de S. Mamede do Coronado e S. Cristóvão do Muro e durante alguns meses assumiu a paroquialidade de Alvarelhos.

Durante o este percurso, já celebrou as suas bodas de prata sacerdotais e as bodas de prata paroquiais, tanto na paróquia da terra natal, como nas duas paróquias que lhe foram confiadas.

Agora, a convite do Bispo do Porto, D. Manuel Clemente, foi nomeado pároco de S. Romão do Coronado, a 30 de Julho de 2007, tendo tomado posse no passado dia 9 de Setembro.