Cerca de 100 mulheres vestiram-se de laranja e caminharam pela freguesia de S. Martinho de Bougado para apoiar a candidatura do PSD às autárquicas. A iniciativa das Mulheres Sociais-Democratas visa fomentar o desporto e incentivar a participação feminina na vida política.

Domingo foi dia de caminhada para as Mulheres Sociais-Democratas da Trofa, que estão a levar a cabo várias caminhadas em todas as freguesias do concelho. O objectivo é apoiar a candidatura de Bernardino Vasconcelos e “fomentar o desporto para que as pessoas convivam e comecem a participar nas campanhas”, como explicou ao NT/TrofaTv Maria José Azevedo, responsável pela iniciativa. Com estas caminhadas pretende-se incentivar o lado divertido e alegre das campanhas, que por si só já são “muito cansativas”. “Não tem que ser só debates e comícios, as campanhas podem e devem ser uma festa para as pessoas participarem e conviverem”.

As mulheres sociais-democratas quiseram primar pela diferença e assumir o comando no feminino das caminhadas. “Não somos feministas, mas também é importante para as mulheres participarem na política”, sublinhou Maria José Azevedo.

Para Bernardino Vasconcelos, candidato pelo PSD à Câmara Municipal da Trofa, a “manifestação de alegria” na iniciativa das Mulheres Sociais-Democratas é a “tónica principal” que o partido irá “emprestar à sua campanha até ao dia 11 de Outubro”. “Além de querermos discutir as ideias e os projectos, pretende-se que a nossa campanha seja alegre, aguerrida e não como alguns fazem do tipo insultuoso”, esclareceu.

Essencialmente marcada por acções de rua, churrascos e o “porta a porta”, a campanha do PSD visa sobretudo “o contacto directo com as pessoas”, segundo Bernardino Vasconcelos.

 

 

As próximas caminhadas laranjas têm lugar no próximo dia 19 de Setembro, em Alvarelhos, pelas 18 horas, no dia 20 de Setembro, em S. Romão do Coronado, pelas 9.30 horas e à mesma hora em Santiago de Bougado.