quant
Fique ligado

Edição 408

Landim revive memórias do mosteiro

Publicado

em

 

A festa de Nossa Senhora das Candeias realiza-se este fim de semana, dias 2 e 3 de fevereiro. Nas romarias são esperados “milhares de pessoas na localidade”.

Como manda a tradição, as romarias a Nossa Senhora das Candeias regressam à freguesia de Landim, Vila Nova de Famalicão.

O programa deste ano será “enriquecido” com “alguns eventos” que vão propor aos romeiros um “ambiente propício a que sejam revividas as memórias em torno do majestoso Mosteiro de Landim”. Desta forma, as romarias à Senhora das Candeias e a S. Brás vão contar com a realização de um mercado medieval e com demonstrações de cantos dos monges, que, durante séculos, “deram razão e vida àquele mosteiro famalicense”. Uma iniciativa que está inserido no projeto “Viver Vila Nova de Famalicão”, que tem como objetivo “dar visibilidade a espaços e lugares de referência histórica e social do concelho”. O projeto é promovido pelo Gabinete do Património Imaterial do Departamento da Cultura da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão.

Através do mercado medieval, dinamizado pela Escola Profissional CIOR, pretende-se mostrar o “esforço que os Cónegos Regrantes de Santo Agostinho fizeram no Couto de Landim, no seu tempo, procurando organizar feiras para desenvolver o comércio local, transacionando-se os frutos da terra e o gado”.

 Este projeto da memória coletiva conta com a participação da Paróquia e Junta de Freguesia de Landim, bem como o grupo “Camerata ad Aeternum”, que vai recriar os cantos monásticos.

As origens da festa da Senhora das Candeias perdem-se no tempo, mas reza a tradição local que era “uma das festas religiosas a que os Cónegos Regrantes de Santo Agostinho, os monges que viviam no Mosteiro de Landim, tinham especial devoção”.

Publicidade

A festa da Senhora das Candeias começa com a bênção das velas (candeias) e com uma procissão entre a igreja e a capela que encima a avenida do mosteiro. Depois dos atos religiosos assiste-se a um fervilhar de gente entre as tendas dos comerciantes montadas na avenida e entre as dezenas de cabeças de gado que os criadores fazem concentrar no local desde o raiar do sol.

“Esta será mais uma oportunidade para que todos possam contactar e conhecer por si espaços habitualmente encerrados, como é o caso dos jardins e do claustro do mosteiro onde ainda se podem escutar as memórias que se encontram encrustadas nas lajes que cobrem o chão e nas paredes graníticas que cercaram a vida de muitas centenas de homens que ali se quiseram santificar pela vida monástica”, avançou fonte da autarquia. 

Continuar a ler...
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Edição 408

Trofa inaugura exposição coletiva de Arquivos Municipais a 5 de fevereiro na Casa da Cultura

Publicado

em

Por

A Casa da Cultura da Trofa recebe, no mês de fevereiro, a exposição “ A unidade da multiplicidade: os arquivos como construtores da identidade”.

Trata-se de uma exposição itinerante organizada pela Área Metropolitana do Porto, no âmbito da comemoração do Dia Internacional dos Arquivos em 2012.

Com inauguração marcada para amanhã,  dia 5 de fevereiro, pelas 10h30, esta exposição convida todos os presentes a fazer uma viagem ao passado e descobrir a imagem e a identidade de cada lugar.

Esta exposição agrega diferentes documentos dos arquivos dos diversos municípios da Área Metropolitana, entre os quais os Forais Manuelinos.

No caso específico do Municipio da Trofa, este está representado nesta mostra pelo primeiro documento administrativo, a ata da primeira Reunião da Comissão Instaladora do Município da Trofa.

Esta exposição estará patente na sala de exposições da Casa da Cultura até 28 de fevereiro, de segunda a sábado das 10h00 às 18h00.

Publicidade

Além do Concelho da Trofa, os restantes Municípios presentes nesta mostra são Arouca, Espinho, Maia, Oliveira de Azeméis, Porto, Póvoa de Varzim, Santa Maria da Feira, Santo Tirso, S. João da Madeira, Vale de Cambra, Valongo, Vila do Conde e Vila Nova de Gaia.

Continuar a ler...

Edição 408

Poesia e imagens inspiradoras para celebrar o amor

Publicado

em

Por

 

A Casa da Cultura da Trofa volta a receber uma iniciativa para os enamorados. A autarquia não vai deixar passar despercebida esta data, criando um serão agradável, onde o amor é requisito obrigatório. Imagens cinematográficas inspiradoras, porções de poesia com sons melodiosos de fundo são os ingredientes de “Amor aos Bocados”, uma iniciativa marcada para o dia 15 de fevereiro às 21 horas.

(mais…)

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também