Até S.Pedro ajudou para que o Magusto de S Martinho organizado pela Junta de Freguesia com o mesmo nome se realizasse, sem chuva mas com muito vinho para molhar as castanhas assadas e o porco no espeto.

Centenas de pessoas passaram pelo adro da Capela instalada no Parque Nossa Senhora das Dores para celebrar o padroeiro da freguesia de S Martinho e poucos resistiram aos cantares ao desafio e ao bom vinho.

Durante toda a tarde os torneios de malha e de sueca serviram para entreter a população e para “dar vida ao parque”, conforme adiantou José Sá presidente da Junta de Freguesia de S,Martinho de Bougado e responsável pela festa. O presidente da Junta garantiu que “enquanto for autarca vou continuar a festejar S.Martinho aqui no Parque Nossa Senhora das Dores”.

O edil garante que a “boa pinga e as castanhas não faltaram e a festa durou toda a tarde, com sandes de porco no espeto, figos, broa e muita música”.

No final da tarde os elementos da Junta de Freguesia entregaram os premios dos concursos de malha e sueca que decorreram durante a tarde no Parque.

Eduardo Reis foi um dos trofenses que marcou presença no magusto apesar de não acreditar em Santos mas assegura que estas iniciativas são “uma questão de solidariedade e amor ao proximo. Não interessa a cor partidaria ou a religião, o impportante é continuar com estes convivios”, frisou.