José Sá recandidata-se à União de Freguesias de S. Martinho e Santiago de Bougado, que será a maior do concelho, com cerca de 60 por cento da população.

Na tradicional festa eleitoral onde não faltaram as bifanas, as bebidas e a animação musical, no Parque Dr. Lima Carneiro, na sexta-feira, 30 de agosto, o socialista apresentou-se à população, assim como a equipa que o acompanha, e evocou o “sentido de responsabilidade” e a “experiência autárquica” para mostrar estar à altura do desafio que apelidou de “missão”.

“Quero que o próximo mandato esteja virado para as pessoas porque, para mim e para a minha equipa, cada pessoa, seja de S. Martinho, seja de Santiago, está em primeiro lugar. Sabem que a qualquer hora do dia, da noite e em qualquer dia da semana estou sempre disponível para ajudar”, salientou.

José Sá também quis deixar a garantia de que “os serviços que as juntas prestam à população vão manter-se, rigorosamente, nos mesmos locais”. A parte final do discurso foi dirigida ao candidato adversário da coligação PSD/CDS: “Li umas frases em que diz que na Junta de S. Martinho foram quatro anos perdidos. Eu interrogo publicamente o que é que esse senhor percebe para fazer uma declaração destas? Qual é o valor de uma pessoa destas para encabeçar uma lista a uma Junta? Não sabe absolutamente nada daquilo que fala”.

Leia a reportagem completa na edição do jornal O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.