Cerca de 300 pessoas marcaram presença no jantar do PSD em S. Mamede do Coronado para apoiar o candidato à Junta de Freguesia, Modesto Torres. Em dia de aniversário, Bernardino Vasconcelos, candidato à Câmara Municipal, fez a festa social-democrata com os mamedenses e ouviu cantar os parabéns, rodeado da família, amigos e apoiantes.

A faixa da Jota de São Mamede do Coronado no exterior de um restaurante anunciava a festa da família social-democrata, que se reuniu em mais uma acção de campanha, desta vez para apresentar os candidatos pelo PSD a S. Mamede do Coronado. Cerca de 300 pessoas marcaram presença, esta sexta-feira, no jantar para manifestar o apoio a Modesto Torres. Entre eles estava o mamedense Paulo Pereira, “simpatizante do PSD” que, ao NT/TrofaTv, elogiou o trabalho desenvolvido pelo autarca. “Ao longo destes mandatos que tem estado à frente da Junta de Freguesia tem feito algumas coisas em prol da freguesia, tem olhado a certas prioridades e tem satisfeito as minhas expectativas”, afirmou. Também José Carlos Freitas juntou-se ao jantar do PSD para apoiar Modesto Torres e Bernardino Vasconcelos que, segundo o mamedense, “já deram provas até agora e podem continuar a dar para evoluírem ainda mais no concelho e na freguesia”.

Em declarações ao NT/TrofaTv, o candidato social-democrata a S. Mamede Coronado mostrou-se muito satisfeito com a adesão dos mamedenses. “É um sentimento extraordinário, sempre acreditei que S. Mamede do Coronado era uma freguesia de gente justa, na verdade uma vez mais pude constatar com este grande jantar, que de facto as pessoas têm para com a minha pessoa uma estima muito grande”, revelou, garantindo que tenta sempre ” retribuir essa estima para com toda a gente”.

jantar-psd-1

Lembrando que tem sido “criticado por algumas dos partidos políticos” de “não cumprir”, Modesto Torres, adiantou que no jantar ficou “surpreendido” com o apoio das pessoas. “Este flyer que estava em cima da mesa com obras eu já me tinha esquecido que as tinha feito, se calhar a maior parte das pessoas já nem se lembrava delas, incluindo eu que fui relembrado e fiquei completamente atónito a verificar a quantidade de obras que já fiz pela freguesia de S. Mamede do Coronado, eu e obviamente a Câmara Municipal da Trofa”, ressalvou.

Para Bernardino Vasconcelos, candidato à Câmara Municipal da Trofa, a festa em S. Mamede Coronado foi uma “festa social-democrata” e ao mesmo tempo uma “festa de família”. Em dia de aniversário, o sentimento de emoção era visível em Bernardino Vasconcelos que, na festa do PSD em S. Mamede se rodeou de amigos e da família para celebrar o dia especial. “Foi de facto algo emotivo, para quem habitualmente gosta de estar com as pessoas, hoje foi um dia muito especial para mim”, garantiu.

No jantar os jovens sociais-democratas vestiram a cor do partido e cantaram o hino da JSD para animar a festa de apresentação dos candidatos a S. Mamede Coronado. No seu discurso, Bernardino Vasconcelos salientou a equipa jovem que se candidata com Modesto Torres a S. Mamede do Coronado, definindo esta como “dinâmica, conquistadora e afirmativa”. O “empenho” e o “entusiasmo das mulheres sociais-democratas também mereceram o elogio de Vasconcelos, que referiu que ao longo do período eleitoral estas têm sido “extraordinárias”.