Os alunos do jardim de infância do colégio A Torre dos Pequeninos participaram, na semana passada, na festa das vindimas, da Quinta Pedagógica da Igreja, na freguesia da Palmeira.

“Homens e mulheres, de tesoura na mão, seguem vindimando cepa após cepa e, os mais pequenos, de olhos arregalados, observam as uvas das videiras que passam para os cestos à velocidade da experiência.

O entusiasmo ditou que também eles experimentassem cortar os cachos das videiras e os colocassem nos respetivos cestos. Na adega as uvas são esmagadas, dando origem ao sumo de uvas frescas.

Foi desta forma, que decorreu mais uma edição da iniciativa “Olhar as Vindimas”, com o intuito de “dar a conhecer às crianças todas as fases da apanha da uva até resultar em vinho, envolvendoas num ambiente de festa tradicional portuguesa”, onde tanto as famílias como amigos foram convidados a participar.

Para Graça Couto, coordenadora pedagógica do jardim de infância, é “fundamental” propiciar “experiências de aprendizagem fora do contexto de sala”, proporcionando aos alunos situações de “valorização do espírito de equipa, do método, do trabalho e do esforço”. É aliás, a “alegria e satisfação” das crianças nestas atividades, que motiva o colégio “a manter este costume”.

 “A Quinta da Igreja tem sido, ao longo dos últimos anos, um ‘viveiro’ de novas experiências. É um privilégio para qualquer escola dispor de um espaço com estas características”, afirmou, frisando a intenção de “valorizá-lo cada vez mais”.

{fcomment}