O complexo desportivo do Clube Desportivo Trofense, em Paradela, S. Martinho de Bougado, foi palco da 2ª jornada do torneio da Associação Portuguesa de Escolas de Futebol (APEF). O emblema da Trofa foi anfitrião e participou com 40 atletas de palmo e meio, distribuídos por cinco equipas. Também a Academia do Sporting da Póvoa de Varzim, a Geração Benfica da Póvoa de Varzim, a Bola no Pé e a FutFunny participaram na atividade, que juntou “cerca de 200 crianças”.

As 27 equipas, que arrastaram uma multidão ao complexo, divertiram-se durante a manhã de sábado, jogando entre si, arrancando aplausos e gargalhadas.

Estes encontros promovidos pela APEF visam “unicamente a promoção do futebol na vertente lúdica”, explicou Henrique Santos, coordenador técnico da escola Trofintas. “Nestas idades, não há nenhum campeonato federado, então a APEF promove os encontros, que têm como objetivo manter o equilíbrio ao máximo”, explicou. Por exemplo, se uma equipa estiver a perder por quatro golos de diferença, pode colocar um jogador extra até que a desvantagem fique a um golo.

Manuel Wilson, responsável da direção pelo departamento de formação, evidenciou que estas atividades são “o primeiro passo” dos atletas. “É importante incutir-lhes o futebol de competição para que quando chegarem à propriamente dita, levem já maturidade”, frisou.

O responsável afiançou que o clube “teve praticamente que começar do zero” na escola Trofintas e que incluiu um novo escalão, para crianças desde os três anos.

Os encontros da APEF são organizados uma vez por mês e em dezembro realiza-se em Vila do Conde, no reduto da escola Bola no Pé.