jose-ferreira 

A construção da rede de água e saneamento são para José Ferreira a principal melhoria conquistada com a criação do concelho.

Em jeito de balanço dos 11 anos da criação do município da Trofa, o presidente da Junta de Freguesia de S. Mamede do Coronado defende que é preciso fazer ainda muito mais no futuro. “Em 11 anos de concelho a freguesia de S. Mamede evoluiu muito pouco para as expectativas que foram criadas aos mamedenses, todas as melhorias na freguesia foram muito pontuais e sem trazerem a tão desejada qualidade de vida que todos desejamos”, considerou.

Lembrando o 19 de Novembro como aquele que “há-de ser sempre recordado como o dia da independência da Trofa”, José Ferreira lembrou a dedicação de um grupo de pessoas em 1998 que fundaram “um movimento em prol da passagem da Trofa a concelho, pelo facto de sentirem que continuando em Santo Tirso a Trofa nunca iria usufruir do desenvolvimento que há muitos anos ansiava”.

Volvidos 11 anos, os anseios para os próximos onze é que “a freguesia de S. Mamede possa dar o desejado salto qualitativo que há muito aguardamos”. “Que os mamedenses tenham melhor qualidade de vida, porque foi com esse sentido que votaram a criação do concelho”.