A delegação da Trofa da Cruz Vermelha Portuguesa está a promover o seminário “É para ser igual ou diferente? Ecos de futuro”. Inscrições estão abertas e são gratuitas.

“Dar a conhecer projetos e atividades diversas e inovadoras”, que visem “transformar os estereótipos existentes na sociedade” é o objetivo do seminário que a delegação da Trofa da Cruz Vermelha Portuguesa vai dinamizar na próxima segunda-feira, 4 de novembro, no auditório da Associação Empresarial do Baixo Ave (AEBA).

Denominado “É para ser igual ou diferente? Ecos de futuro”, a iniciativa vai permitir, segundo fonte da instituição, “a troca de conhecimentos entre diferentes experiências existentes, dar a conhecer práticas bem sucedidas e de interesse geral, promover um compromisso no combate das desigualdades de género e gerar enfoques inovadores para abordar as desigualdades de género, raça e outras diferenças”.

Segundo a organização, a realização do seminário, que surge na sequência do Projeto A Outra Face, “só se tornará possível através da contribuição intelectual de pessoas dedicadas e organizações profundamente comprometidas com o trabalho na área da promoção da igualdade”.

Na segunda-feira, a AEBA abre portas pelas 9 horas, para “receber os participantes e entregar a documentação”, seguindo-se a sessão de abertura, pelas 9.30 horas. No primeiro painel serão abordadas as temáticas “Afinal é para ser igual ou diferente?”, “Discriminação Não-formal de sexos no acesso à educação” e “O sonho da igualdade…o respeito pelas diferenças”, havendo lugar para debate e levantamento de questões.

Depois da pausa para almoço, os painéis são “Promover a igualdade é fazer a diferença”, “Iguais com diferenças” e “A experiência da questão de igualdade no desenvolvimento de projetos promotores da igualdade do género” e a “apresentação do Coolkit – jogos para a não violência e igualdade de género”.

As inscrições, que estão abertas e são gratuitas, podem ser feitas através do e-mail (aoutraface.cvptrofa@gmail.com), do telefone 252 419 083 ou presencialmente na sede da delegação da Trofa da Cruz Vermelha da Trofa, junto à igreja Matriz de S. Martinho de Bougado.