“Cerca de 160 crianças” do pré-escolar e 1º ciclo do Colégio da Trofa mimaram as suas mães com música e surpresas, no âmbito do Dia da Mãe, assinalado na escola na manhã de segunda-feira, 5 de maio.

“És a vida que sorri, és tão forte de carácter, és tão bela na feição, és a mão que me ampara, amo-te mãe”. Este era o refrão da canção com que os alunos do 1º ciclo do Colégio da Trofa brindaram as suas mães, assinalando desta forma o Dia da Mãe. À medida que iam entrando no auditório, as mães receberam uma faixa cor de rosa, sentando-se na plateia ouvindo, orgulhosas, os seus filhos. Seguiram-se exercícios de aquecimento e uma coreografia, onde as crianças presentearam as suas mães com uma rosa.

“A adorar” a atividade, Daniela Azevedo denotou que “a receção foi espetacular”, tendo o Colégio recebido as mães “de uma forma muito diferente e com muita criatividade”. “O primeiro momento musical muito bonito, uma seleção de música espetacular que, de facto, toca as mães e depois um momento descontraído em que podemos interagir com os nossos filhos e agora para podermos continuar o convívio podemos tirar uma fotografia para recordação e ainda comer uma fatia de bolo”, contou Daniela Azevedo, mãe de Ana Sofia Silva, que a considera “a melhor mãe do mundo”.

Também Elisabete Machado declarou que a atividade foi “espetacular”, sendo estes “pequenos momentos que a gente carrega para a vida inteira”. Já o filho, Gabriel Viana, garantiu que “gosta muito” da mãe, pois “se não fosse ela não estaria aqui”.

Já a comemoração da data pelos alunos do pré-escolar realizou-se de uma forma mais intimista, em que mãe e filho partilharam momentos de relaxamento e de música. Para Patrícia Lima esta foi uma manhã “diferente”, considerando que “é sempre bom estar na companhia dos nossos filhos, aproveitando e prolongando o Dia da Mãe”. “É bom ver o carinho dos nossos filhos tão bem expresso pela música”, acrescentou.

Segundo Manuel Pinheiro, diretor pedagógico do Colégio da Trofa, é “já tradição” deste estabelecimento de ensino “comemorar o Dia do Pai, da Mãe e outras efemérides que marcam os nossos jovens e a sociedade portuguesa”. “Quisemos assinalar este dia e acho que tivemos uma manhã com uma forte adesão das mães e temos tido quer no 1º ciclo, quer na parte infantil uma manhã espetacular, comemorado de uma forma muito agradável e bonita. Naturalmente que algumas têm os seus empregos e ocupações e não puderam vir, mas estamos muito felizes porque a adesão das mães foi espetacular e nós ficamos muito satisfeitos por termos concretizado este dia desta forma”, asseverou.