Sete alunos da Escola Profissional Cior, acompanhados de duas professoras, tiveram a oportunidade de visitar a Islândia, entre os dias 23 e 28 de setembro. “Um pequena ilha localizada no norte da Europa, no meio do Oceano Atlântico, com uma beleza natural única no mundo, com cerca de 300 mil habitantes e muitas coisas inusuais para explorar”, avançou fonte da escola.

O grupo, que ficou hospedado na cidade Hafnarfjörour, visitou, ao longo dos dias em que decorreu o intercâmbio, “alguns dos melhores destinos” que a Islândia tem para oferecer, como a “beleza deslumbrante” da Lagoa Azul, que foi “provavelmente uma das melhores experiências da viagem” pelos “momentos de relaxamento e de diversão que estas “famosas termas de água quente proporcionaram”. Com “um capacete e uma lanterna”, os jovens exploraram a caverna em Leidarendi, vivendo “um momento de aventura em que nos pontos mais baixos tiveram de rastejar e, nos mais altos, parar e apreciar o ‘silêncio’ e a escuridão do local”.

O grupo visitou ainda a Torre Imagine a Paz, a capital da Islândia, Reykjavik, o Vulcão Helgafell, a Gullfoss (Cascata de Ouro), Þingvellir, Geysir e o edifício Perlan. A visita foi também “tempo de convívio e partilha de ideias, costumes, tradições, almoços e jantares com as pessoas que, de forma exemplar, acolheram os jovens portugueses”.