De modo a incentivar os artistas locais, foi inaugurada na tarde de sábado, dia 7 de janeiro, a primeira exposição do ano. A obra de Sérgio Pimenta estará exposta até ao dia 28 deste mês.

“730 dias” é o nome da exposição de desenho e pintura, que está patente na sala de exposições temporárias da Casa da Cultura da Trofa. Sérgio Pimenta apresentou os seus trabalhos e inaugurou a sua exposição, perante uma sala repleta de amigos e apreciadores de desenho e pintura.

Nesta primeira exposição do ano, que estará disponível até ao dia 28 de janeiro, marcaram presença Joana Lima, presidente da Câmara Municipal, José Magalhães Moreira, vice-presidente, e Assis Serra Neves, vereador da Cultura. Desta forma, mostraram a intenção de continuar a incentivar os artistas locais e de reconhecerem o seu contributo para o desenvolvimento do concelho.

Ao longo deste ano, a autarquia continuará a sua oferta cultural, “promovendo uma exposição mensal, de forma a diversificar a cultura no concelho, dando a conhecer artistas trofenses”.

Sérgio Filipe Azevedo Pimenta, natural da Trofa, nasceu a 9 de julho de 1991, concluiu o Ensino Secundário no curso de Artes Visuais, prosseguindo para o Ensino Superior na Faculdade de Belas Artes, na Universidade do Porto. Neste momento frequenta o 3º ano de Artes Plásticas na área da pintura. Em 2009, participou numa exposição coletiva no programa de Oficina de Artes na Casa da Cultura.

{fcomment}