Junta de Freguesia de S. Mamede do Coronado está a dinamizar um cartão que dará descontos no comércio local.

 Um cartão gratuito, acessível a toda a população, que dá acesso a descontos em estabelecimentos comerciais aderentes, situados na freguesia de S. Mamede do Coronado. Esta ideia que pretende “promover o comércio local” foi apresentada pela Junta de Freguesia no auditório da indústria farmacêutica Bial, na noite de sexta-feira, 8 de março.

Marlene Brás, ligada ao negócio de um minimercado, considera a medida “inovadora” e uma “mais-valia para os comerciantes para promoverem os serviços que prestam e o que vendem”.

“É uma boa intervenção do nosso presidente da Junta, porque isto está complicado, principalmente para o cliente. Também é importante para o nosso comércio, pois muitas vezes as pessoas têm os serviços à porta e vão a outro lado, porque têm um cartão de fidelização”, disse, por sua vez, Elisa Neves, cabeleireira.

 O cartão “Comércio Mais” foi bem recebido pelos comerciantes que sugeriram que o acesso fosse alargado a toda a população e não só à de S. Mamede. Sónia Martins, cabeleireira, explica porquê: “Temos clientes de todas as zonas e não podemos estar a distingui-los”.

A Junta de Freguesia foi recetiva à sugestão “pertinente” e só quer que a ideia “cresça”. “Tem todas as condições para se tornar uma iniciativa muito valiosa para que a freguesia se torne um exemplo no apoio à rede do comércio local”, evidenciou o autarca José Ferreira.

Através da parceria com a empresa Altronix, a Junta de Freguesia de S. Mamede conseguiu agilizar o processo com um “investimento residual”, que ronda “os 300 euros”, afirmou o presidente da Junta. “Esta parceria público-privada veio tornar as custas menores para a freguesia, porque se assim não fosse, iríamos ter muita dificuldade em ampliá-la e torná-la mais abrangente”, acrescentou.

A sete meses das eleições e da consumação da reforma administrativa, José Ferreira espera que a medida não morra com agregação de S. Mamede e S. Romão do Coronado, até porque “pode ser ampliada”, para bem “da população e dos comerciantes”.

Qualquer pessoa pode aderir ao cartão, inscrevendo-se na Junta de Freguesia de S. Mamede.

 

Foto:

Legenda: